PUBLICIDADE
Topo

Pop


Backstreet Boys admitem rixa e revelam sucesso do N'Sync que eles recusaram

Backstreet Boys durante o programa "Watch What Happens Live com Andy Cohen" - Reprodução
Backstreet Boys durante o programa 'Watch What Happens Live com Andy Cohen' Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

12/02/2020 20h14

Os integrantes do Backstreet Boys, uma das maiores boy bands dos anos 1990, participaram do programa Watch What Happens Live com Andy Cohen, do canal pago dos Estados Unidos Bravo, na noite de ontem. Eles falaram sobre a rivalidade com o N'Sync, além de revelar que recusaram uma música que fez sucesso com o grupo.

Na conversa, Kevin Richardson revelou que um dos hits da banda liderada por Justin Timberlake foi inicialmente oferecida. "Basicamente, o mesmo produtor - Max Martin - que fez muitas músicas, fez as nossas, e no ofereceu... Tenho certeza de que era 'Tearin Up My Heart' e nós recusamos", contou.

Kevin admitiu que havia certa rivalidade entre eles, como no caso de músicas que eram oferecidas, mas esclareceu: "Éramos irmãos; estávamos apenas em equipes diferentes. Foi uma rivalidade saudável".

Apesar da recusa de Timberlake em voltar a se reunir com o grupo, os BSB acreditam que os outros quatro integrantes deveriam fazer uma turnê.

"Talvez no futuro, depois de terminarmos nossa turnê mundial, talvez possamos fazer uma turnê com o Backstreet e os quatro. Talvez como uma turnê organizada juntos", disse Nick Carter.

AJ McLean também desmentiu os rumores de que Ryan Gosling tentou fazer parte do grupo. No início da carreira, o ator e os membros da banda moravam no mesmo complexo de apartamentos - onde Britney Spears e Christina Aguilera também residiam. Então, durante uma conversa, Gosling disse não acreditar que o grupo faria sucesso.

"Estávamos jogando basquete, como todos os dias, e o grupo tinha acabado de começar. Eu disse a ele que os Backstreet Boys seriam enormes e ele pensava: 'Isso não vai acontecer, mano'", revelou McLean.

"Ele nunca fez o teste. De alguma forma, a imprensa interpretou mal e isso se tornou uma coisa", completou.

Pop