PUBLICIDADE
Topo

Colunista rebate crítica de Maiara e Maraisa a charge: "Vocês se viram ali"

Maiara e Maraisa apresentam o Só Toca Top - Reprodução/Instagram
Maiara e Maraisa apresentam o Só Toca Top Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

22/01/2020 11h02

O colunista Anderson França se manifestou hoje após ter uma ilustração retirada da coluna publicada ontem no site do jornal Folha de S. Paulo. Na imagem a dupla sertaneja Maiara e Maraisa usa uma braçadeira com a suástica nazista. As cantoras se manifestaram com uma nota de repúdio.

Em um post no Facebook, Anderson França criticou a postura das artistas e afirmou que elas se viram no conteúdo publicado na coluna.

"A nota medíocre que me foi entregue é ruim, de raciocínio, de proposta, de argumento e mesmo jurídica", disse. "A Folha, dentro da liberdade que tem, tirou do ar o desenho, e conversaram comigo. Mas a Folha fez isso, segundo os seus critérios. Eu não faço. Pelo contrário, o desenho já ganhou o mundo. Haja dinheiro pra processar todo mundo que vai usar esse que já virou um clássico."

"Vocês estão com tanto medo de serem despidas em público, que ao olhar uma charge, pensam que estão se vendo num espelho. Vocês se viram ali. Eu não escrevi o nome de vocês. Mas vocês se viram", continuou.

O colunista ainda afirmou que o silêncio das cantoras diante do episódio envolvendo o ex-secretário da Cultura Roberto Alvim é uma forma de apoio.

"O silêncio de vocês, é apoio. Apoio consciente. Ao projeto de poder de Bolsonaro. Aos princípios de Bolsonaro. Ao projeto de país de Bolsonaro. Ao racismo, sexismo, homofobia, ódio a pobre, de Bolsonaro. Ao nazismo presente no fazer ideológico de Bolsonaro. Bolsonaro representa César. Bolsonaro representa Roma. O poder das Trevas, diluído no Estado, para legitimar uma opressão aos pobres, sustentado pela religião", disse.

Anderson França ainda criticou a postura que ele chama de neutra adotada pelas cantoras na nota de repúdio divulgada ontem.

"Ou você usa a arte para transgredir pelo povo, ou você é braço auxiliar do poder que oprime o povo. Essa neutralidade que vocês buscam nessa nota de repúdio feita de maneira nojenta, não existe. Vocês não são neutras. Vocês sabem o que querem. Dinheiro. Não importa o que custe, e quantas vidas custe. Mesmo que estejamos falando da vida dos judeus", afirmou.

Em sua nota de repúdio, a dupla de cantoras chamaram a coluna de Anderson de "um absurdo" e de uma "grande irresponsabilidade".

Maiara e Maraísa ainda informaram que o departamento jurídico da dupla foi acionado para que os responsáveis respondam pela coluna.

As duas ganharam apoio também de Marília Mendonça. Em seu Instagram, a cantora disse que quer que elas "sejam nada além do que elas mesmas".

Sertanejo