PUBLICIDADE
Topo

Globo de Ouro: Compositora de Coringa é 1ª mulher a vencer prêmio sozinha

Hildur Guðnadóttir venceu Globo de Ouro pela trilha sonora de Coringa - Paul Drinkwater/NBCUniversal Media, LLC via Getty Images
Hildur Guðnadóttir venceu Globo de Ouro pela trilha sonora de Coringa Imagem: Paul Drinkwater/NBCUniversal Media, LLC via Getty Images

Guilherme Machado

Do UOL, em São

06/01/2020 01h56

A compositora Hildur Guðnadóttir fez história no Globo de Ouro. Por seu trabalho em Coringa, ela conquistou o troféu de melhor trilha sonora original, se tornando a primeira mulher desde que o prêmio foi criado a vencer sozinha nesta categoria.

A única outra vez em toda trajetória da premiação em que uma mulher venceu nesta categoria foi há 20 anos, quando Lisa Gerrard dividiu com Hans Zimmer o troféu por Gladiador.

Hildur Guðnadóttir é islandesa e já trabalhou em trilhas sonoras de outros filmes e séries, tocando violoncelo em O Regresso e em A Chegada. Como compositora, outro trabalho recente seu que chamou a atenção foi a trilha sonora que ela criou para a aclamada série Chernobyl, da HBO, que também ganhou prêmios no Globo de Ouro.