PUBLICIDADE
Topo

Anitta


'Não quero ser cantora para o resto da vida', diz Anitta

Anitta, durante apresentação no show de abertura da final da Libertadores - Raul Sifuentes/Getty Images
Anitta, durante apresentação no show de abertura da final da Libertadores Imagem: Raul Sifuentes/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

14/12/2019 12h42

Eleita pelo segundo ano consecutivo a Mulher do Ano pela revista GQ, Anitta confessou que não pretende ser cantora para sempre.

Terminando 2019 com várias conquistas na carreira — foi convidada por Madonna para um dueto e teve um álbum indicado ao Grammy Latino —, a cantora disse que para se sentir completamente realizada quer construir a própria família.

"Quero muito ter mais tempo com minha família. (Ao todo, somos 17, falo com eles todos os dias. Até hoje, só fiz uma viagem com todos). E, mais para frente, quero me arriscar em outra profissão. Não quero ser cantora para o resto da vida", afirmou em entrevista para a GQ.

A cantora contou que há dois anos estava "desanimada com a luta para fazer história" e escreveu uma lista do que a tornaria 100% realizada no trabalho. "Hoje, olho para esse papel e vejo que cumpri três vezes mais", orgulha-se.

Anitta explica que queria apresentar o funk ao mundo "para fazer os brasileiros darem o devido respeito ao ritmo". "Nunca tive vontade de lacrar para fazer música e estar em primeiro lugar nos rankings. Sempre quis fazer diferente. Gosto de criar controvérsias para fazer as pessoas discutirem, provocar o debate da diversidade de opiniões", analisou.

Anitta