PUBLICIDADE
Topo

Ellie Goulding conta que bebia para parecer "mais engraçada e interessante"

Cantora Ellie Goulding se apresenta durante o primeiro dia do festival Rock in Rio, em 2019 - Eduardo Anizelli/Folhapress
Cantora Ellie Goulding se apresenta durante o primeiro dia do festival Rock in Rio, em 2019 Imagem: Eduardo Anizelli/Folhapress

Do UOL, em São Paulo

03/12/2019 15h13

A cantora pop Ellie Goulding revelou em entrevista a um podcast que muitas vezes usou a bebida "na intenção de parecer mais divertida e interessante".

A britânica falou ao apresentador Fearne Cotton que não se considera uma alcóolotra, pois "poderia ficar meses sem beber", mas que se preparou para muitas entrevistas bebendo.

"Eu tinha que ser uma pessoa falsa para lidar com as situações surreais em que eu me via", disse a cantora falando sobre ter a vida em constante exposição.

"Geralmente envolvia álcool. Eu achava que não eu não conseguiria ser boa o bastante, engraçada ou louca o suficiente para estar com certas pessoas sem beber", completou ela.

Ela relembou um dos momentos mais difíceis, em que ficou muito nervosa antes de se apresentar em um programa da BBC, o Live Lounge.

"Eu dizia, 'certo, tenho que beber de manhã porque tenho essa entrevista e não sei como vou responder às perguntas, porque eu não sei quem eu sou mais", contou ela. "Achava que o álcool me deixaria, pelo menos, um pouco mais engraçada ou interessante".

Apesar dessa relação com a bebida, a cantora contou que nunca teve problemas com o álcool, com relação a beber demais. "Eu não era uma alcoólatra. Poderia passar meses sem beber também".

A relação com o atual marido, Caspar Jopling, a ajudou muito com relação ao nervosismo e ansiedade de antes. Os dois se casaram em setembro deste ano.

"Quando conheci Caspar, esse nervosismo apenas foi embora. Não no início. Na verdade, fiz aquilo que a gente sempre faz quando conhece alguém de que realmente gostamos... não mostramos nossas piores coisas... Mas com Caspar eu me senti instantaneamente calma".