Topo

Terror

Tudo o que você precisa saber sobre filmes, séries e livros de horror


Halloween: 10 filmes de terror para ver em casa nos serviços de streaming

Cena de Eli, filme de terror da Netflix - Divulgação
Cena de Eli, filme de terror da Netflix
Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

31/10/2019 04h00

O Halloween chegou! E que tal passar a noite com um filme de terror? O UOL selecionou alguns filmes recentes do gênero que estão disponíveis nos serviços de streaming.

Hereditário

O filme do diretor e roteirista Ari Aster deixa o terror "raiz" de lado para rasgar o conceito de família e explorar a luta psicológica da figura materna interpretada por Toni Collete contra os traumas do passado e do presente, em uma relação que vai ficando cada vez mais complicada com o filho (papel de Alex Wolff), onde culpa e luto se juntam em uma trama que fica mais densa a cada minuto.
Onde: Amazon Prime e HBO Go

Suspiria

Luca Guadagnino, do elogiado Me Chame pelo Seu Nome, assina o remake do clássico do terror de Dario Argento, de 1977. E, assim como o original, não teme o exagero; é repleto de imagens altamente estetizadas, com muita violência gráfica e um roteiro que não se importa nem um pouco em ser claro.
Onde: Amazon Prime.

The Perfection

Na trama, Charlotte (Allison Williams) é um prodígio musical em uma prestigiada academia, mas precisa abandonar a carreira para cuidar da mãe doente. Muitos anos depois, ela se aproxima e forja uma amizade com a nova garota da escola, Elizabeth (Logan Browning), mas as suas intenções podem não ser tão boas quanto parecem. O filme mistura terror gore com uma história que debate abusos sexuais e sororidade.
Onde: Netflix.

Campo do Medo

Baseado em uma história que Stephen King escreveu com seu filho Joe Hill, Campo do Medo tem uma premissa básica: uma mulher grávida e seu irmão entram em um campo com vegetação alta para tentar salvar uma criança. Sair dali com vida é que será o grande problema.
Onde: Netflix.

Eli

A trama conta a história do garoto Eli Miller (Charlie Shotwell), que sofre de uma doença autoimune e que por isso é obrigado a viver com proteção que o mantém sem contato com o mundo exterior. Ao tentar um tratamento experimental em uma mansão afastada da cidade, o garoto passa a ter alucinações sobrenaturais. O filme causou certa polêmica depois que espectadores foram às redes sociais contar que começaram a ver demônios após assisti-lo.
Onde: Netflix

Nós

Depois do sucesso de Corra, o diretor Jordan Peele aposta em outro filme de terror com fundo social. Na trama, a família formada por Adelaide (Lupita Nyong'o), Gabe (Winston Duke) e seus dois filhos vai curtir um dia na praia. Após uma série de coincidências sinistras, os quatro retornam para casa, onde são aterrorizados por cópias de si mesmos.
Onde: Telecine Play.

Fratura

Sam Worthington vive Ray Monroe, que vai às pressas para um pronto-socorro com a filha e a mulher, Joanne (Lily Rabe) após um acidente em que a pequena machuca o braço. Quando as duas são levadas para uma sala de exames e Ray fica esperando do lado de fora, no entanto, elas não voltam mais. Os registros da visita da família o hospital desaparecem junto com as duas, e logo Ray percebe que algo mais sinistro pode estar acontecendo.
Onde: Netflix.

Aniquilação

Esse é um daqueles filmes que prender a curiosidade até o final, mesmo que o desfecho não seja necessariamente entendido. A trama aborda contato com vida inteligente fora do planeta Terra, monstros com DNA cruzados, mitose e ciência (de um jeito muito mais legal do que aprendemos na escola, calma), além de cenas assustadoras e muitas dúvidas no ar.
Onde: Netflix.

Um Lugar Silencioso

No filme dirigido e protagonizado por John Krasinski, o mundo inteiro enfrenta uma situação complicada: a população está ameaçada se fizer qualquer barulho, sob o risco de ser atacada por um ser extraterrestre. A família de Lee (o próprio Krasinski) precisa enfrentar esse cenário apocalíptico e encontrar forças para sobreviver depois de ser abalada por uma tragédia.
Onde: Telecine Play.

Mandy: Sede de Vingança

Mandy mergulha Nicolas Cage em um banho de luz neon, referências místicas e heavy metal, criando uma versão alucinógena do ano de 1983 para provar que histórias de vingança ainda podem ser contadas de forma inovadora. De quebra, ainda dá pano para a discussão de questões como a quebra do conservadorismo, fanatismo religioso, toxicidade masculina e o consumo de drogas. Tudo isso embalado pelo ator em uma atuação em estado de graça.
Onde: Telecine Play.

Terror