Topo

Kevinho fala de início de carreira: pizza como cachê e sonho de ser boleiro

O funkeiro Kevinho participou do programa "Hora do Faro" - Reprodução/Instagram
O funkeiro Kevinho participou do programa "Hora do Faro" Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

22/09/2019 18h18

No programa Hora do Faro, da TV Record, deste domingo (22), o funkeiro Kevinho falou dos "perrengues" que viveu na infância e no início de carreira, antes de estourar com suas músicas e o bordão "Cê acredita?".

O artista, que completou 21 anos recentemente, revelou ao apresentador Rodrigo Faro que sua família nunca passou fome, mas teve "muita dificuldade financeira". A mãe do cantor, Sueli de Azevedo, trabalhava em um salão de beleza -- visitado pelo famoso durante a participação no programa.

Nascido em Campinas (SP), Kevinho comentou que chegou a dormir no chão de rodoviária e fazer shows de graça ou "por uma pizza" para se apresentar antes de MCs famosos.

"Cheguei a dormir na rodoviária, eu e meu DJ, porque a gente saía de Campinas para São Paulo e não tinha grana pra hotel. Deitava no chão e dormia com a cabeça nos equipamentos para esperar", disse. "Abria shows de MCs que já tinham sucesso e ganhava 'zero reais' de cachê. Era só para divulgar".

O cantor revelou que também é um boleiro frustrado. Até os 13 anos, ele tentou ser jogador de futebol profissional, mas desistiu e resolveu investir na música, divulgando o trabalho nas redes sociais.

O cantor conhecido por lançar hits de funk e com mais de 22 milhões de seguidores no Instagram comentou que também recebia como cachê apenas uma pizza após as apresentações. "Cansei de ganhar só uma pizza no camarim. Fui ganhar dinheiro de verdade com 17 anos".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Funk