Topo

Cantor é expulso de grupo de k-pop após compartilhar vídeos de sexo na web

Reprodução
Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

28/08/2019 14h11

O cantor Lee Jong Hyun foi expulso do grupo de k-pop CNBLUE depois de compartilhar vídeos de sexo em chats online na Coreia do Sul.

A notícia foi anunciada hoje (28) pela empresa FNC Entertainment, que agencia o grupo. Segundo as informações, o jovem participou de chats "ilícitos e sexualmente degradantes", compartilhando vídeos ilegais de atos sexuais, levando ao "convite para que ele se retirasse" boyband.

Em comunicado oficial, o artista se desculpa se ofendeu alguém com "palavras e atos inapropriados": "Embora seja tarde, informo que estou saindo do CNBLUE. Sinto muito por ter causado danos aos outros integrantes. Tenho vergonha de ter desapontado os fãs que acreditaram em mim", escreveu ele.

Lee Jong Hyun já tinha se afastado do grupo por ter que servir ao exército, mas o assunto voltou a repercutir depois que conversas do cantor vazaram na internet nessa semana. O artista desativou suas redes sociais com o ocorrido.

Mais K-pop