Topo

Música


Arlindo Cruz lamenta morte de tia Maria do Jongo: "Obrigado por todo amor"

Reproudução/Instagram
Tia Maria do Jongo e Arlindo Cruz Imagem: Reproudução/Instagram

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

2019-05-18T16:11:11

18/05/2019 16h11

Arlindo Cruz lamentou a morte de tia Maria do Jongo da Serrinha, através do seu perfil do Instagram hoje.

"Obrigado por todo ensinamento, cultura e amor. Descanse em paz , Tia Maria do Jongo. 'Um abraço mãe, sou seu filho mãe, seu sorriso mãe me alimenta. Eu chorei, eu chorava, era a minha mãe que me acalentava. Quero colo mãe, me perdoe mãe, sua bênção mãe me alimenta'".

Maria de Louder Mendes, a tia Maria, morreu na manhã de hoje, aos 98 anos, após passar mal e ser levada para um posto de atendimento médico em Irajá, zona norte do Rio.

Na terça-feira (14), Tia Maria do Jongo foi ovacionada ao receber o Prêmio Sim à Igualdade Racial no Copacabana Palace, na categoria Arte em Movimento.

Tia Maria era uma das principais responsáveis por transmitir às novas gerações os ensinamentos do jongo, uma dança de origem afro-brasileira, ancestral do samba e do pagode. Foi formado e evoluindo nas fazendas de café, na Baixada Fluminense.

O ritual do jongo é um movimento cultural em extinção no Brasil. A roda possui canções de improviso melancólicas, dança e umbigada.