Topo

Filmes e séries


Tudo o que você precisa saber para acompanhar a volta de "Lucifer", na Netflix

Lucifer (Tom Ellis) fica sem camisa para divulgar a quarta temporada da série - Reprodução
Lucifer (Tom Ellis) fica sem camisa para divulgar a quarta temporada da série Imagem: Reprodução

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

08/05/2019 04h00

ATENÇÃO: Este texto contém spoilers de "Lucifer". Não leia se não quiser saber o que acontece.

O diabo mais sedutor da TV está de volta. Após ser cancelada pela emissora original, a Fox, "Lucifer" foi salva pela Netflix, que estreou hoje os dez episódios da quarta temporada da série. Seja você um novato no mundo de "Lucifer" ou um fã de longa data que não se lembra muito bem como o terceiro ano terminou, reunimos aqui tudo o que você precisa saber para acompanhar o retorno da série:

Sobre o que é "Lucifer"?

Vale notar, antes de qualquer coisa, que uma maratona das três temporadas anteriores de "Lucifer" não é estritamente necessária para entender o quarto ano da série. Os episódios normalmente vêm com o sempre útil segmento "anteriormente em 'Lucifer'", que reforça qualquer detalhe narrativo dos capítulos passados relevante para a trama, e a série como um todo não costuma se arriscar em histórias complexas e intrincadas.

A premissa de "Lucifer" acompanha o personagem título (Tom Ellis), que se cansou de governar o inferno e criou uma nova vida para si mesmo em Los Angeles (EUA), onde administra uma boate. Isso não é o bastante para ele, é claro, de forma que Lucifer também empresta suas "habilidades especiais" para a polícia, ajudando na investigação de assassinatos ao lado da detetive Chloe Decker (Lauren German).

Além dos "casos da semana", "Lucifer" também dá ao seu protagonista algumas encrencas celestiais para resolver. Durante as duas temporadas iniciais, isso significou especialmente membros da família de Lucifer tentando convencê-lo a voltar para o inferno: seu irmão, o anjo Amenadiel (D.B. Woodside); a demônia Maze (Lesley-Ann Brandt); e "mamãe" (Tricia Helfer), uma deusa cruel que toma forma humana após escapar do inferno e segue seus filhos até a Terra.

Já na terceira temporada, Lucifer lidou com um serial killer conhecido como Sinnerman, que no final foi desmascarado como o tenente de polícia Marcus Pierce (Tom Welling). Depois, descobrimos que Pierce era na verdade a figura bíblica Caim, homem que foi condenado à imortalidade depois de matar o seu irmão, Abel. Nossos "heróis", é claro, descobrem um jeito de derrotar Pierce e mandam-no direto para o inferno.

Inbar Levi como Eva em "Lucifer" - Divulgação
Inbar Levi como Eva em "Lucifer"
Imagem: Divulgação

O que teremos na quarta temporada?

Além de Pierce, tivemos outra morte no final do terceiro ano: Charlotte, a humana que abrigou "mamãe" por um tempo. A série ainda traz Dan Espionsa (Kevin Alejandro), ex-marido de Chloe e atual colega de trabalho dela e de Lucifer; Ella Lopez (Aimee Garcia), a especialista em ciência forense que os ajuda a desvendar crimes; e a Dra. Linda Martin (Rachel Harris), terapeuta de Lucifer, que sabe a verdade sobre sua identidade.

Também na terceira temporada, Chloe viu pela primeira vez a verdadeira aparência demoníaca de Lucifer, o que deve movimentar o quarto ano, já que não há mais margem para a policial não acreditar que seu parceiro é o ex-governante do inferno. Além disso, seremos introduzidos a Eva (Inbar Levi), aquela da Bíblia, a primeira mulher criada por Deus.

Ainda não sabemos exatamente por que Eva está em Los Angeles, mas a temporada também trará a estreia do Padre Kinley (Graham McTavish), que será uma espécie de antagonista para Lucifer; e da anja Remiel (Vinessa Vidotto), que servirá como um tipo de irmã mais nova para o protagonista.

Por último, vale notar que a expectativa dos fãs é que "Lucifer" se veja mais livre para explorar a violência e os aspectos sensuais de sua premissa na Netflix. Em um dos teasers para a plataforma de streaming, Ellis até apareceu pelado para promover a série.