PUBLICIDADE
Topo

Penélope Cruz e Javier Bardem estão entre indicados ao Goya, o Oscar espanhol

Penélope Cruz e Javier Bardem em cena de "Todos lo Saben", do iraniano Asghar Farhadi - Divulgação
Penélope Cruz e Javier Bardem em cena de "Todos lo Saben", do iraniano Asghar Farhadi Imagem: Divulgação

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

12/12/2018 11h37

O principal prêmio cinematográfico da indústria espanhola, o Goya Awards, anunciou os indicados de sua edição 2019 nesta quarta-feira (12). Dois dos maiores astros do país, Penélope Cruz e Javier Bardem, aparecem indicados pelo filme "Todos Já Sabem".

Os dois atores, que são casados desde 2010, interpretam no filme um casal que, após anos vivendo na Argentina, retorna para a Espanha para comparecer ao casamento da irmã de um deles. O filme do iraniano Asghar Farhadi ("A Separação") foi exibido na abertura do Festival de Cannes.

Cruz já tem três Goyas na prateleira, por "A Garota dos Seus Sonhos" (1998), "Volver" (2006) e "Vicky Cristina Barcelona" (2008), e outras sete indicações. Já Bardem venceu cinco estatuetas, por "Días Contados" (1994), "Boca a Boca" (1995), "Segunda-Feira ao Sol" (2002), "Mar Adentro" (2004) e "Biutiful" (2010), e foi indicado outras quatro vezes.

"Todos Já Sabem" levou um total de oito indicações ao Goya, incluindo melhor filme e melhor direção, ficando atrás dos recordistas "El Reino" (13 indicações) e "Campeones" (10 indicações), este último selecionado pela Espanha para competir ao Oscar de melhor filme estrangeiro.

Os vencedores da premiação serão revelados em 2 de fevereiro, em cerimônia em Sevilha, na Espanha. Veja os indicados nas principais categorias:

Melhor filme
"Campeones"
"Carmen & Lola"
"El Reino"
"Entre dos Aguas"
"Todos Já Sabem"

Melhor direção
Javier Fesser, por "Campenones"
Rodrigo Sorogoyen, por "El Reino"
Isaki Lacuesta, por "Entre dos Aguas"
Asghar Farhadi, por "Todos Já Sabem"

Melhor atriz
Susi Sanchéz, por "O Vazio do Domingo"
Najwa Nimri, por "Quién te Cantará"
Penélope Cruz, por "Todos Já Sabem"
Lola Dueñas, por "Viaje al Cuarto de Una Madre"

Melhor ator
Javier Gutiérrez, por "Campeones"
Antonio de la Torre, por "El Reino"
Javier Bardem, por "Todos Já Sabem"
Jose Coronado, por "Tu Hijo"

Melhor ator coadjuvante
Juan Margallo, por "Campeones"
Luiz Zahera, por "El Reino"
Antonio de la Torre, por "Uma Noite de 12 Anos"
Eduard Fernández, por "Todos Já Sabem"

Melhor atriz coadjuvante
Carolina Yuste, por "Carmen & Lola"
Ana Wagener, por "El Reino"
Natalia de Molina, por "Quien te Cantará"
Anna Castillo, por "Viaje al Cuarto de una Madre"

Melhor filme íberoamericano
"O Anjo" (Argentina)
"Uma Noite de 12 Anos" (Uruguai)
"Cachorros" (Chile)
"Roma" (México)

Melhor filme europeu
"Guerra Fria" (Polônia)
"Trama Fantasma" (Reino Unido)
"Girl" (Bélgica)
"A Festa" (Reino Unido)