Topo

Geek

Para assistir a "Aquaman", fãs formam fila 24h antes da exibição na CCXP

Felipe Branco Cruz / UOL
Primeiro da fila para ver "Aquaman". Philip Peach, 21, aguarda desde a noite de quinta Imagem: Felipe Branco Cruz / UOL

Felipe Branco Cruz

Do UOL, em São Paulo

07/12/2018 13h35

A expectativa dos fãs para assistir a "Aquaman" antes de todo mundo estava tão grande na CCXP 2018 (Comic Con Experience) que centenas de pessoas já estavam na fila do auditório Cinemark na véspera. O filme será exibido nesta sexta-feira (7), às 18h, pela primeira vez no Brasil. 

O fã Philip Peach, 21, foi o primeiro a chegar na fila, cerca de 24 horas antes do início da exibição, por volta das 17h30 de quinta-feira (6). Antes, ele estava dentro da CCXP curtindo a feira e em busca de um autógrafo de John Romita Jr.

"Não consegui o autógrafo e não quis arriscar perder a fila do 'Aquaman'. Saí com tanta antecedência que só depois eu notei que eu era o primeiro da fila", contou Peach, que não veio preparado para passar a noite na CCXP e teve dormir no chão.

"Ainda bem que eu trouxe um casaco, porque fez frio à noite. De madrugada, comemos rodízio de esfiha e sanduíches". O objetivo do estudante é passar o dia dentro do auditório Cinemark e só sair de lá na noite desta sexta, quando a feira fechar. Philip também ganhou um brinde surpresa da Comic Con, que é dado para todos os anos para os primeiros da fila. 

O ator Tom Welling, de "Smallville", também era uma das atrações mais esperadas do auditório Cinemark. Ele conversará com o público às 14h sobre o legado da série. Com um boné do Superman, a segunda pessoa da fila do painel era Bruna Junqueira, 23, fã da série. 

"Dos 6 aos 16 anos eu assisti a toda a série. Meu pai alugava os boxes para mim e eu via repetida vezes", contou Bruna, que vai ficar para ver o filme do "Aquaman", mas que essa não era a sua prioridade. A garota chegou na fila às 18h de quinta e estava preparada para dormir no local, equipada com uma manta térmica. 

Felipe Branco Cruz / UOL
Letície Neiva com sua mãe, Viviane: elas não conseguiram o primeiro lugar na fila este ano, mas são famosas na CCXP Imagem: Felipe Branco Cruz / UOL
Mãe e filha épicas

Primeira da fila da auditório Cinemark de 2014 a 2017, Viviane Neiva, 40, e a filha Leticie, 17, não conseguiram ser as primeiras neste ano, porém eram vistas como micro celebridades entre os organizadores do evento. 

Entre os seguranças, Viviane ficou conhecida como "mãe épica" e Leticie como a "filha épica". "Somos de Mogi das Cruzes e só voltamos para casa para tomar banho", disse Viviane. Mesmo assim, as duas não voltam juntas. Enquanto uma vai em casa, a outra fica na fila marcando lugar. 

A julgar pelas dificuldades que elas enfrentaram, nada parece impedi-las de participar da CCXP. Nem quatro princípios de infarto e um joelho deslocado. "Neste ano eu tive quatro princípios de infarto e estou aqui, firme e forte", revelou Viviane. A filha lembrou que no ano passado tinha deslocado o joelho faltando três semanas para a feira e mesmo assim conseguiu participar. 

"São três horas de viagem até Mogi. Temos que pegar ônibus, metrô e trem para chegar lá", conta Leticie, contando a tradição que a filha mantém com a mãe há cinco anos. "Queremos assistir ao filme, mas gostamos mesmo é da festa", afirmou Viviane.