PUBLICIDADE
Topo

Netflix pagou US$ 1 bilhão por obras do autor de "Fábrica de Chocolate"

Gene Wilder em "A Fantástica Fábrica de Chocolate" (1971) - Divulgaçao
Gene Wilder em "A Fantástica Fábrica de Chocolate" (1971) Imagem: Divulgaçao

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

28/11/2018 12h00

A Netflix pagou em torno de US$ 1 bilhão pelos direitos de dezesseis das obras mais famosas de Roald Dahl, autor de clássicos infantis como "A Fantástica Fábrica de Chocolate" e "Matilda". A informação é do "The Hollywood Reporter".

A transação entre a Netflix e a The Roald Dahl Story Co., que administra o legado do autor, foi facilitada pela Endeavor Content. O serviço de streaming anunciou na terça-feira (27) que pretende adaptar as histórias em diversas séries de animação.

A nova matéria revela que as séries poder ter narrativas interconectadas, criando assim um "universo compartilhado" inspirado nas obras de Dahl. A produção das séries pode custar aos cofres da Netflix mais US$ 500 milhões.

Além de "A Fantástica Fábrica de Chocolate" (e sua continuação, "Charlie e o Grande Elevador de Vidro") e "Matilda", a aquisição da Netflix inclui títulos como "O Bom Gigante Amigo", "Os Pestes", "O Remédio Maravilhoso do Jorge" e "O Enorme Crocodilo".

Ainda não há previsão de estreia para as séries.