Topo

Game of Thrones

Autor de "GoT" compara obra com "Senhor dos Anéis": "Meus livros têm sexo"

Getty Images
George R.R. Martin, criador de "Game of Thrones" Imagem: Getty Images

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

22/11/2018 09h14

George R.R. Martin, o autor por trás dos livros que deram origem à série "Game of Thrones", compareceu nesta quarta-feira (21) ao programa "The Late Show" e, conversando com o apresentador Stephen Colbert, comparou a sua obra com a saga "O Senhor dos Anéis", de J.R.R. Tolkien.

"Quando eu li Tolkien pela primeira vez, ele me intrigou", admitiu o escritor. "O primeiro livro de 'O Senhor dos Anéis' começa com uma festa de aniversário, e não há dançarinas exóticas ou serpentes gigantes".

"É verdade, você não sabe quem está fazendo sexo com quem em 'O Senhor dos Anéis'", interveio Colbert, um notório fã da saga. "Os elfos nascem de algum lugar, mas você não vai ver isso nos livros".

Martin então começou a falar sobre seu novo livro. Intitulado "Fogo & Sangue", ele se passa 300 anos antes dos eventos da série de livros principal de "Game of Thrones".

"O livro é escrito do ponto de vista de um meistre, um historiador. Ele está tentando descobrir e pesquisar a história da família Targaryen", revelou. "Há muitos dragões, batalhas, traições, bons reis, maus reis".

"Há um incidente em que o meistre tem que consultar um livro chamado 'A Caution for Young Girls' ['Um Aviso à Jovens Garotas'], que é basicamente um livro erótico de Westeros. Essa é uma razão pela qual eu divergi de Tolkien, não existe pornografia ou sexo no mundo de 'Senhor dos Anéis'", brincou.

É claro que o apresentador Colbert não perdeu a oportunidade de cobrar o autor sobre o andamento de "Os Ventos de Inverno", o próximo volume da saga "As Crônicas de Gelo e Fogo", que é aguardado pelos fãs há anos.

"Eu tenho muito a escrever. Eu provavelmente não deveria estar aqui. Deveria voltar para casa e trabalhar", comentou Martin.