Topo

Filmes e séries

"South Park" pede desculpas por piada antiga sobre aquecimento global

Reprodução/Youtube
Aparição de Al Gore em "South Park" Imagem: Reprodução/Youtube

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

08/11/2018 15h22

ATENÇÃO: SPOILERS DO ÚLTIMO EPISÓDIO DE "SOUTH PARK"

Em sua sede por tirar sarro de tudo e de todos, "South Park" raramente se desculpa por piadas politicamente incorretas. Isso mudou no episódio desta quarta-feira (7), em que a série corrigiu um erro cometido em 2006.

No capítulo, intitulado "Time to Get Cereal" (22x06), os protagonistas reencontram o ex-candidato à presidência dos EUA Al Gore, que participou de um episódio doze anos atrás em que tentava avisar aos cidadãos de South Park sobre o perigo do monstro ManBearPig.

A piada, na época, era com a cruzada de Gore contra o aquecimento global. Pouco depois do capítulo ir ao ar, Gore lançou o documentário "Uma Verdade Inconveniente", pioneiro em analisar as consequências e possíveis formas de reverter a catástrofe ambiental.

Ao mostrar o personagem como um lunático que avisava sobre um monstro inexistente, "South Park" dava a entender que a mudança climática tampouco era real. O tom mudou bastante no novo episódio, em que Stan presencia um ataque de ManBearPig e descobre que a criatura é verdadeira no final das contas.

O protagonista e seus amigos pedem ajuda para Gore -- mas, mesmo assim, nem todo mundo na cidade acredita na existência do monstro. Em uma cena que tira sarro daqueles que negam o aquecimento global, um residente de South Park questiona se ManBearPig é real enquanto, atrás dele, o monstro ataca várias pessoas.

Veja uma cena do episódio: