Topo

Rock

Ex-vocalista do Creed nega tentativa de suicídio e agradece rapper por ajuda

Fernando Leon/Getty Images
Scott Stapp, ex-vocalista do Creed, durante show em Nova York Imagem: Fernando Leon/Getty Images

Osmar Portilho

Do UOL, em São Paulo

08/11/2018 11h56

Scott Stapp afirmou que não estaria vivo hoje se não fosse por T.I.. O ex-vocalista da banda Creed conversou com o TMZ ao deixar o aeroporto de Los Angeles e esclareceu uma história que se passou em 2006.

Na versão do rapper, ele encontrou Scott Stapp sangrando na sacada do hotel Delano e impediu a tentativa de suicídio do roqueiro. O vocalista negou alguns pontos da versão.

"Essa história não é exatamente assim. Eu estava machucado. Ele me encontrou e chamou uma ambulância. Ele foi vital para me ajudar no momento que precisei", disse Stapp.

"Ele tem um bom coração e estava no lugar certo na hora certa. T.I., te amo. Espero que possamos nos encontrar em breve".

Em outras entrevistas, o ex-vocalista do Creed descreveu o incidente e afirmou que havia sofrido essa queda próximo da janela enquanto usava drogas.

Mais Rock