Topo

Filmes e séries

Por que Rami Malek não conseguiu ter dentes iguais aos de Freddie Mercury

Divulgação
Rami Malek em cena de "Bohemian Rhapsody" Imagem: Divulgação

Felipe Branco Cruz

Do UOL, em São Paulo

07/11/2018 12h36

Se você achou muito grande a prótese dentária que Rami Malek usou para interpretar Freddie Mercury no filme "Bohemian Rhapsody", saiba que ela poderia ter sido ainda maior. A revelação foi feita pelo artista Chris Lyons, 55, responsável por criar as próteses dentárias utilizadas no filme.

O artista disse, em entrevista ao jornal The New York Times, que foram feitos dentes falsos de diferentes tamanhos, inclusive idênticos aos de Freddie. Rami Malek, no entanto, não usou os dentes do tamanho original porque eles ficaram desproporcionais para o tamanho do seu rosto.

AP Photo/Gill Allen
Freddie Mercury em um show em 1985 Imagem: AP Photo/Gill Allen
Chris Lyons foi o responsável, por exemplo, por criar próteses dentárias utilizadas em filmes de Hollywood por astros como Tilda Swinton, Meryl Streep e Johnny Depp.

Em uma cena do filme, os colegas de banda estão céticos com a capacidade de Freddie Mercury em cantar por conta do tamanho da sua boca e por ter quatro dentes extras. Aos amigos, Mercury teria dito que os dentes extras seriam uma vantagem adicional na hora de cantar e se recusou a operar pois tinha medo que uma cirurgia prejudicasse a sua voz.

Ao todo, Mercury tinha 36 dentes, em vez de 32 (contando com os sisos). Por causa disso, os dentes traseiros empurraram os dianteiros deixando-os proeminentes. Com os sisos extraídos, um adulto comum possui 28 dentes.

Chris Lyons afirmou que os dentes foram feitos com o mesmo material utilizado por dentistas. "Fizemos vários tamanhos de dentes. No primeiro teste, quando mostramos para o diretor Bryan Singer, percebemos que eles seriam muito grandes em Rami e tivemos que reduzir para que tudo combinasse com o rosto dele", disse Lyons.