Topo

Mac Miller morreu de overdose acidental, diz site

Mac Miller se apresenta no palco eletrônico do Lollapalooza Brasil 2018 - Mariana Pekin/UOL
Mac Miller se apresenta no palco eletrônico do Lollapalooza Brasil 2018 Imagem: Mariana Pekin/UOL

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

05/11/2018 14h30

Um relatório do legista que examinou o corpo do rapper Mac Miller revelou que o músico morreu de overdose acidental, segundo o TMZ. Traços de álcool, cocaína e do analgésico fentanil foram encontrados no sistema.

Miller sempre foi aberto sobre sua luta contra o vício. Meses antes de sua morte, o rapper foi pego dirigindo sob o efeito de drogas e álcool em Los Angeles, nos EUA.

O músico morreu no último dia 7 de setembro, aos 26 anos de idade. Entre agosto de 2016 e maio deste ano, Miller esteve em um relacionamento com a cantora Ariana Grande.

Desde a morte do rapper, Grande postou diversos tributos a ele nas redes sociais. Na canção "Thank U, Next", em que fala sobre seus ex-namorados, a cantora se refere à Miller como "um anjo".

Miller começou carreira em 2007, com a mixtape "But My Mackin' Ain't Easy", mas ganhou destaque em 2010, com "K.I.D.S.", de onde saiu o single "Knock Knock". Seu disco de estreia, "Blue Slide Park", sairia no ano seguinte.

Desde então, o rapper lançou outros quatro álbuns, o mais recente em agosto, pouco mais de um mês antes de sua morte. "Swimming", o álbum em questão, estreou na 3ª posição das paradas norte-americanas.

Mais Rap gringo