PUBLICIDADE
Topo

"A Favorita" lidera indicações a prêmio britânico e segue a caminho do Oscar

Yorgos Lanthimos, diretor de "A Favorita" - Reuters
Yorgos Lanthimos, diretor de "A Favorita" Imagem: Reuters

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

31/10/2018 09h42

"A Favorita" continua forte na corrida do Oscar 2019. Nesta quarta-feira (31), foram reveladas as indicações ao British Independent Film Awards, premiação do cinema indie britânico, e o filme de Yorgos Lanthimos saiu na frente com 13 lembranças na lista.

As três atrizes principais, por exemplo, levaram indicações. No filme, Olivia Colman interpreta uma fragilizada Rainha Anne, que se vê manipulada por duas conselheiras diferentes, interpretadas por Rachel Weisz e Emma Stone.

Weisz, inclusive, tem duas chances de levar o prêmio. Além de concorrer por "A Favorita", foi indicada também por "Desobediência", drama do diretor Sebastián Lelio ("Uma Mulher Fantástica") em que faz par romântico com Rachel McAdams, também indicada.

O segundo lugar entre os mais indicados ficou com o thriller "American Animals", de Bart Layton, que foi lembrado onze vezes. "Beast", de Michael Pearce, levou dez indicações, enquanto "Você Nunca Esteve Realmente Aqui", de Lynne Ramsay, aparece a seguir com oito.

O comitê que organiza o British Independent Film Awards notou ainda que o ano de 2018 foi recorde para a representação feminina entre as indicações. As mulheres dominam categorias como melhor revelação e, ao todo, representam 40% das indicadas em todas as categorias.

O British Independent Film Awards acontece no dia 2 dedezembro.

Confira a lista completa de indicações:

Melhor filme independente britânico

  • "American Animals", de Bart Layton
  • "Beast", de Michael Pearce
  • "Desobediência", de Sebastián Lelio
  • "A Favorita", de Yorgos Lanthimos
  • "Você Nunca Esteve Realmente Aqui", de Lynne Ramsay

Melhor direção

  • Andrew Haigh, por "A Rota Selvagem"
  • Yorgos Lanthimos, por "A Favorita"
  • Bart Layton, por "American Animals"
  • Michael Pearce, por "Beast"
  • Lynne Ramsay, por "Você Nunca Esteve Realmente Aqui"

Melhor roteiro

  • Deborah Davis & Tony McNamara, por "A Favorita"
  • Bart Layton, por "American Animals"
  • Sebastián Lelio & Rebecca Lenkiewicz, por "Desobediência"
  • Michael Pearce, por "Beast"
  • Lynne Ramsay, por "Você Nunca Esteve Realmente Aqui"

Melhor atriz

  • Gemma Arterton, por "The Escape"
  • Jessie Buckley, por "Beast"
  • Olivia Colman, por "A Favorita"
  • Maxine Peake, por "Funny Cow"
  • Rachel Weisz, por "Desobediência"

Melhor atriz coadjuvante

  • Nina Arianda, por "Stan & Ollie"
  • Rachel McAdams, por "Desobediência"
  • Emma Stone, por "A Favorita"
  • Rachel Weisz, por "A Favorita"
  • Molly Wright, por "Apostasy"

Melhor ator

  • Joe Cole, por "A Prayer Before Dawn"
  • Steve Coogan, por "Stan & Ollie"
  • Rupert Everett, por "The Happy Prince"
  • Joaquin Phoenix, por "Você Nunca Esteve Realmente Aqui"
  • Charlie Plummer, por "A Rota Selvagem"

Melhor ator coadjuvante

  • Steve Buscemi, por "A Rota Selvagem"
  • Barry Keoghan, por "American Animals"
  • Alessandro Nivola, por "Desobediência"
  • Evan Peters, por "American Animals"
  • Dominic West, por "Colette"

Melhor revelação

  • Jessie Buckley, por "Beast"
  • Michaela Coel, por "No Ritmo da Sedução"
  • Liv Hill, por "Jellyfish"
  • Marcus Rutherford, por "Obey"
  • Molly Wright, por "Apostasy"

Melhor estreia na direção

  • Richard Billingham, por "Ray & Liz"
  • Daniel Kokotajlo, por "Apostasy"
  • Matt Palmer, por "Calibre"
  • Michael Pearce, por "Beast"
  • Leanne Welham, por "Pili"

Melhor estreia no roteiro

  • Karen Gillan, por "The Party's Just Beginning"
  • Daniel Kokotaklo, por "Apostasy"
  • Bart Layton, por "American Animals"
  • Matt Palmer, por "Calibre"
  • Michael Pearce, por "Beast"

Melhor estreia na produção

  • Kristian Brodie, por "Beast"
  • Jacqui Davies, por "Ray & Liz"
  • Anna Griffin, por "Calibre"
  • Marcie MacLellan, por "Apostasy"
  • Faye Ward, por "Stan & Ollie"

Melhor documentário

  • "Being Frank: The Chris Sievey Story", de Steve Sullivan
  • "Evelyn", de Orlando von Einsiedel
  • "Island", de Steven Eastwood
  • "Nae Pasaran", de Felipe Bustos Serra
  • "Under the Wire", de Christopher Martin

Melhor filme independente internacional

  • "Capernaum", de Nadine Labaki
  • "Cold War", de Pawel Pawlikowski
  • "Domando o Destino", de Chloé Zhao
  • "Roma", de Alfonso Cuarón
  • "Assunto de Família", de Hirokazu Koreeda

Melhor elenco

  • "A Favorita"
  • "Beast"
  • "American Animals"
  • "Stan & Ollie"
  • "Apostasy"

Melhor fotografia

  • Ole Bratt Birkeland, por "American Animals"
  • Magnus Nordenhof Jonk, por "A Rota Selvagem"
  • Robbie Ryan, por "A Favorita"
  • Tom Townend, por "Você Nunca Esteve Realmente Aqui"
  • David Ungaro, por "A Prayer Before Dawn"

Melhor figurino

  • Jacqueline Durran, por "Paterloo"
  • Andrea Flesch, por "Colette"
  • Sandy Powell, por "A Favorita"
  • Guy Sperenza, por "Stan & Ollie"
  • Alyssa Tull, por "An Evening with Beverly Luff Linn"

Melhor edição

  • Joe Bini, por "Você Nunca Esteve Realmente Aqui"
  • Marc Boucrot, por "A Prayer Before Dawn"
  • Nick Fenton, Julian Hart & Chris Hill, por "American Animals"
  • Yorgos Macropsaridis, por "A Favorita"
  • Ben Wheatley, por "Happy New Year, Colin Burstead"

Melhores efeitos especiais

  • "O Homem das Cavernas"
  • "Dead in a Week (Or Your Money Back)"
  • "Paterloo"