Topo

Filmes e séries


"Demolidor" inspirou Rei do Crime em políticos "manipuladores" da vida real

David Lee/Netflix
Wilson Fisk (Vincent D'Onofrio) surge com seu terno branco na terceira temporada de "Demolidor" Imagem: David Lee/Netflix

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

19/10/2018 16h36

Segundo o showrunner Erik Oleson, a história do vilão Rei do Crime (Vincent D'Onofrio) na terceira temporada de "Demolidor" é inspirada por líderes políticos do mundo real que ele define como "manipuladores".

Oleson deu entrevista ao "Screen Rant" sobre o seu trabalho nos novos episódios, que foram liberados pela Netflix nesta sexta-feira (19). "Não queria contar uma história que fosse só entretenimento, queria que fosse relevante, que fizesse parte do momento que vivemos hoje", contou.

O showrunner disse que a jornada de Wilson Fisk, que é liberado da prisão e se transforma definitivamente em seu alter ego dos quadrinhos, o Rei do Crime, foi espelhada nos atos de "certos líderes políticos que usam o medo e manipulação como armas, e atacam a imprensa incessantemente".

"Um 'vilão' no mundo real que quer te manipular para que você se sinta de certa forma, aja de certa forma, vote de certa forma, se comporte de certa forma, tem seus próprios motivos para querer isso. É fácil passar pela vida no piloto automático e não perceber isso", comentou.

"Como alguém que cresceu lidando com técnicas de guerra psicológica, é muito alarmante vê-las usadas dentro do nosso país, contra os nossos próprios cidadãos, todos os dias. Eu estou furioso com a situação atual", continuou.

Oleson explica que não considera a temporada de "Demolidor" um trabalho pessimista. "Eu queria mostrar formas de enfrentar e derrotar os tiranos narcisistas que usam o medo contra nós. Eu pensei: Se a Marvel vai me dar a sua série mais popular, eu vou usá-la para dizer algo significativo", completou.