PUBLICIDADE
Topo

Trailer de "Making a Murderer" revela que "as condenações foram só o começo"

Cena da série "Making a Murderer" (2015) - Reprodução
Cena da série "Making a Murderer" (2015) Imagem: Reprodução

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

09/10/2018 11h41

O primeiro trailer completo dos novos episódios de "Making a Murderer" foi lançado nesta terça-feira (9) pela Netflix. Como o próprio serviço de streaming entrega na sinopse, a nova temporada quer mostrar porque as condenações de Steve Avery e Brendan Dassey foram "só o começo" dessa polêmica história real.

Fenômeno documental da Netflix, a primeira temporada de "Making a Murderer" foi lançada em 2015, mostrando como Avery, um homem do interior dos EUA, foi condenado erroneamente por estupro e inocentado anos mais tarde por evidências de DNA. Pouco depois de sua libertação, no entanto, ele voltou a ser preso pelo assassinato de uma jovem.

A série defende a inocência de Avery e expõe o que considera malfeitos da polícia durante a investigação. Na segunda temporada, continuaremos acompanhando a luta pela anulação da sentença contra Avery e seu sobrinho, Dassey, que foi acusado de ser cúmplice do crime.

Para isso, conhecemos a nova advogada do protagonista, Kathleen Zellner. Ela admite, no trailer, que seu trabalho é uma busca pela verdade: "Se o caso da acusação for sólido, se ele for culpado, eu perderei".

Premiadas com o Emmy pela primeira temporada, as cineastas Laura Ricciardi e Moira Demos retornam para este segundo ano. A estreia ficou marcada para 19 de outubro.