PUBLICIDADE
Topo

Benedict Cumberbatch explica como tentou impedir um assalto: "Foi um pouco tolo"

Benedict Cumberbatch como Doutor Estranho - Reprodução
Benedict Cumberbatch como Doutor Estranho Imagem: Reprodução

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

24/09/2018 22h29

Benedict Cumberbatch, protagonista da série "Sherlock  Holmes" e mais conhecido como o Doutor Estranho do Universo Cinematográfico da Marvel, explicou durante participação no programa "The Ellen DeGeneres Show como tentou impedir um assalto em novembro do ano passado.

O caso ganhou repercussão quando um motorista de Uber relatou ao tabloide "The Sun" há alguns meses que o ator foi um verdadeiro "herói".

"Eu vi um cara, desses que fazem entrega de bicicleta, cercado por diversos homens em uma noite fria de novembro. Eu parei o Uber em que estava [junto com sua mulher, Sophie Hunter], saí do carro e tentei acalmá-los", contou o britânico durante entrevista para Ellen Degeneres.

"Eles pareciam irritados. Eu tentei acalmar o entregador, que estava com cara de quem iria lutar pela vida. Eu não pensei [que o grupo pudesse ter] facas, ácidos ou qualquer coisa do tipo que possa fazer parte de uma situação desta. Foi um pouco tolo, mas sem bravura ou [ato] heroico", completou.

"Mas você conseguiu interromper o que estava acontecendo?", perguntou a apresentadora.

"Eu não sei", disse o ator desanimado. "Eu apenas entrei no meio. Também tentei parar o tráfico para que [os motoristas] pudessem testemunhar o que estava acontecendo". Benedict complementou o relato afirmando que o motorista do Uber exagerou em algumas partes na sua entrevista.

"Ele disse que eu estava lutando -- tudo muito exagerado. Mas ele foi muito prestativo naquela noite."