PUBLICIDADE
Topo

A Marvel tem uma teoria sobre o uniforme azul e amarelo do Wolverine

Capa de "Return of Wolverine #1" - Reprodução
Capa de "Return of Wolverine #1" Imagem: Reprodução

Osmar Portilho

Colaboração para o UOL

22/09/2018 18h53

ATENÇÃO: O texto a seguir contém spoilers da revista "Return of Wolverine #1".

Em "Return of Wolverine #1", de Charles Soule, Steve McNiven, Jay Leisten e Laura Martin, há uma revelação interessante para os fãs de Logan. O X-Men ouve uma história que mostra uma teoria interessante sobre o porquê das cores de seu uniforme tradicional com a combinação de azul e amarelo. As informações são do site ComicBook.

Nas páginas, Wolverine está em um acampamento militar e encontra uma mulher, que diz trabalhar de maneira forçada ali. Na tentativa de ajudar o protagonista a recobrar sua memória, ela conta sobre o momento em que o viu pela primeira vez.

Em sua história, ela fala sobre um homem que havia construído uma armadura cheia de armamentos para atacar um hospital. Quando apareceu, Wolverine, em vez de atacar na espreita, correu no meio de todos para que o homem atirasse nele.

Na teoria dela, Wolverine usa cores chamativas e de grande contraste justamente para que os vilões possam o ver claramente e atrair sua atenção, fazendo com que civis e seus colegas fiquem a salvo.

Wolverine, que na revista está sem memória, não consegue refutar sua versão. No entanto, já vimos esta teoria ser aplicada em outros heróis, como Batman e seu logo amarelo bem no peito, no centro de sua armadura, além de Robin com seu uniforme colorido.

Vale lembrar que, além de ser só uma teoria dentro da história, esta personagem pode ter sido colocada junto de Wolverine justamente para causar confusão, já que ele está sem suas lembranças.