PUBLICIDADE
Topo

Peter Dinklage fala sobre despedida de "Game of Thrones": "Muito triste"

Peter Dinklage, de "Game of Thrones" - Kevin Winter/Getty Images
Peter Dinklage, de "Game of Thrones" Imagem: Kevin Winter/Getty Images

Caio Coletti

Colaboração com o UOL

18/09/2018 01h06

Peter Dinklage falou sobre sua despedida de "Game of Thrones" nos bastidores do Emmy. O ator venceu o troféu de melhor ator coadjuvante em série dramática, seu terceiro na categoria pelo papel de Tyrion Lannister.

"Foi muito triste. Esta não é só uma grande série da qual temos que nos despedir, mas também uma enorme família que formamos", comentou o ator, segundo a "Variety". "Eu tenho certeza que vocês já ouviram isso antes, mas neste caso eu filmava a série longe de casa. Moro em Nova York, e filmamos na Europa".

"Como eu não podia ir para casa aos fins de semana, acabei formando raízes profundas na Irlanda e em outros países onde filmamos", continuou. "Foi difícil se despedir porque não era só uma série, e sim uma vida que eu construí por lá".

Dinklage ainda falou sobre a oportunidade que o personagem Tyrion Lannister lhe trouxe: a de interpretar alguém que, como ele, era portador de nanismo - mas não era definido por isso. "Infelizmente, antes desse personagem, as pessoas me apresentavam propostas que não eram interessantes. David [Benioff] e Dan [Weiss, showrunners de 'Game of Thrones'] tiveram que me convencer que este valeria a pena", disse.

Quem também falou nos bastidores sobre "Game of Thrones" foi a dupla Benioff e Weiss, que tentou esclarecer aos fãs o motivo para a demora da oitava e última temporada, que deve chegar só em 2019.

"Ela está demorando porque é a maior coisa que já tentamos fazer", argumentou Benioff, segundo a "Entertainment Weekly". "Passamos um ano em Belfast filmando ou preparando as filmagens. Eu acho que, quando as pessoas verem [os episódios], elas vão entender".