PUBLICIDADE
Topo

Wesley Safadão vira "WS" em novo projeto e diz que sua música não pode parar

Wesley Safadão durante lançamento do novo projeto "WS"  - Francisco Cepeda/AgNews
Wesley Safadão durante lançamento do novo projeto "WS" Imagem: Francisco Cepeda/AgNews

Renata Nogueira

Do UOL, em São Paulo

12/09/2018 22h38

Sai o “vai Safadão”, entra o “WS Mais Uma Vez”. Lançado nesta quarta-feira (12), o novo projeto de Wesley Safadão traz o cantor em um ambiente mais intimista, diferente das multidões para as quais o cearense está acostumado a se apresentar.

Não que o grito de guerra com o qual o público já está tão acostumado tenha saído de cena. Mas, em conversa com o UOL, Safadão admite que está torcendo para que o WS - sigla que sua equipe já usa há algum tempo para tratar do cantor - pegue de vez também entre o público. A colaboração dele vem na repetição do nome do projeto durante as 12 músicas novas, gravadas ao vivo em um estúdio do Rio de Janeiro no final de agosto.

As 12 faixas chegam de uma só vez depois de um acúmulo de músicas inéditas que já estava incomodando o artista. “Estava lançando meus singles, mas recebendo músicas sem parar. Tinha 30 faixas já produzidas. Primeiro pensei em fazer um EP. Mas não dava pra gravar só um EP porque tinham pelo menos 20 músicas que eu estava gostando muito”, explica Wesley, acostumado a trabalhar do “jeito nordestino de lançar uma música a cada semana”, como o próprio define.

A solução veio com uma gravação que reuniu um público reduzido em um estúdio no Rio de Janeiro. Os clipes das faixas serão lançados semanalmente. O primeiro, que saiu nesta quarta, é “Só Pra Castigar”. Todas as músicas já estão disponíveis nos serviços de streaming e também como áudio no YouTube.

“Eu juro que eu tentei ser ‘maria vai com as outras’. Terminamos o DVD de Miami no ano passado e decidimos que em 2018 iríamos apostar nos singles. Só que o single é sempre uma aposta muito grande, nem sempre dá certo. E quando você erra você perde muito tempo de trabalho.” Os singles “Romance com Safadeza”, “Amor Falso” e “Sortudo” precederam o novo projeto.

Já a escolha do nome foi rápida. “Mais uma vez é porque as coisas não podem parar. Eu fui criado dessa forma. Sempre lançando, sempre inovando. Então ‘WS Mais Uma Vez’ é Wesley lançando de novo, a música não pode parar”, conclui.

Depois de Anitta, mais parcerias

Ao mesmo tempo em que reforça a ideia de que “WS Mais Uma Vez” é o projeto mais especial de sua carreira, o cantor faz questão de destacar a função de termômetro para algo maior que ele prepara para o ano que vem.

“O ‘WS Mais Uma Vez’ é apenas o início de um projeto incrível que eu quero gravar em 2019. O que estou fazendo hoje já estou pensando daqui a 12 meses, serve como um teste. Eu estava gravando esse projeto e já olhando a reação das pessoas. Aí você consegue ter um termômetro do que é legal e do que vai funcionar. Estou muito confiante quando falo que é o meu melhor projeto.”

Além de lançar todas as faixas de uma vez, uma aposta cada vez mais arriscada no mercado atual, Wesley Safadão também deixou de lado em seu recém-lançado projeto outra tendência, as parcerias. Mas não por muito tempo. Na entressafra de um disco e outro ele já tem músicas engatilhadas com os funkeiros Jerry Smith e MC Kekel e com as coleguinhas Simone e Simaria.

“Meus projetos e minhas metas já estão todos traçados até 2020. Isso só do que já passei para o meu empresário. Na minha agenda pessoal tenho coisa até 2021. Quero lançar mais um álbum no início do próximo ano, e já me preparar para as músicas inéditas”, diz incansável.