Topo

Música

Após internação, Bibi Ferreira anuncia aposentadoria dos palcos aos 96 anos

Fabio Braga/Folhapress
Bibi Ferreira dá entrevista em 2016 Imagem: Fabio Braga/Folhapress

Leonardo Rodrigues e Tiago Dias

Do UOL, em São Paulo

10/09/2018 14h32

Após 77 anos de carreira, a cantora e atriz Bibi Ferreira, de 96 anos, anunciou nesta segunda (10) que deixará os palcos de vez.

Sempre ativa, com espetáculos diferentes na estrada, Bibi estava ensaiando um novo show dedicado ao cancioneiro de Dorival Caymmi. O repertório estava quase escolhido e a banda começava a ensaiar quando ela decidiu não mais se apresentar ao vivo.

“Já estávamos ensaiando o show quando um dia ela disse: ‘Sejamos práticos, eu não vou conseguir fazer esse show. Sejamos inteligentes, não perca tempo’”, contou ao UOL Nilson Raman, empresário e produtor de Bibi há 28 anos.

Nos últimos meses, Bibi enfrentou uma série de problemas de saúde e, em junho passado, chegou a ser internada com quadro de desidratação. Segundo ele, Bibi, no entanto, está com a saúde ótima e se encontra em sua casa no Rio de Janeiro com a família.

“É uma questão de idade mesmo. São 96 anos. Ela compreende e entende que aquele vigor que ela sempre teve, para cantar e fazer shows não é mais a mesma”, afirmou.

Segundo a nota oficial, Bibi terá, a partir de agora, “uma vida mais reclusa, com a família e seus amigos mais íntimos, não estando mais disponível para entrevistas, mesmo por e-mail."

"Nunca pensei em parar, essa palavra nunca fez parte do meu vocabulário, mas entender a vida é ser inteligente. Fui muito feliz com minha carreira. Me orgulho muito de tudo que fiz. Obrigada a todos que de alguma forma estiveram comigo, a todos que me assistiram, a todos que me acompanharam por anos e anos. Muito obrigada", diz ela no comunicado.

"Primeira-dama" do teatro

Filha do ator Procópio Ferreira e da bailarina espanhola Aída Izquierdo, Bibi é considerada a primeira-dama do teatro brasileiro, tendo estreado nos palcos com apenas 20 dias de idade, na peça “Manhãs de Sol”, substituindo uma boneca que desaparecera horas antes do espetáculo.

Passou pelo colo de Carmem Miranda, tomou dicas de canto com Noel Rosa e estudou teatro em Londres em 1942. Até hoje, era uma das artistas brasileiras com uma das carreiras mais longevas.

Apesar de ter anunciado a aposentadoria, Bibi guarda novidades para os próximos meses. Em novembro, será lançada pela gravadora Biscoito Fino a gravação ao vivo de “Bibi canta Sinatra”, espetáculo que a levou a se apresentar em Nova York pela primeira vez aos 90 anos.

Em março de 2019, será a vez do CD e DVD “Por Toda a Minha Vida”, seu último espetáculo, gravado no Oi Casa Grande, no Rio de Janeiro. Fora o primeiro show da carreira em que ela precisou cantar sentada, já um reflexo da idade. 

Em entrevista ao UOL em 2016, Bibi se mostrou animada às vésperas da estreia de "Sinatra" em São Paulo, mesmo após o diagnóstico de infarto, no início de 2015. “Estou muito contente com a minha carreira, acho que ela está começando agora", disse.

Bibi deve seguir recomendações médicas em repouso e manter uma alimentação saudável. A Coca-Cola, seu vício declarado, tem perdido espaço, mas ela ainda não resiste a algumas “besteiras”. “Sempre levo biscoito de polvilho quando vou visitá-la. Ela adora”, comenta Raman.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!