PUBLICIDADE
Topo

Ed Sheeran e Dua Lipa alavancam exportação de música britânica

Ed Sheeran é fenômeno mundial de vendas - Manuela Scarpa/Brazil News
Ed Sheeran é fenômeno mundial de vendas Imagem: Manuela Scarpa/Brazil News

Osmar Portilho

Colaboração para o UOL

06/09/2018 10h47

A British Phonographic Industry, associação que representa as gravadoras britânicas, celebrou os números atingidos em 2017 graças aos fenômenos musicais que invadiram mercados no exterior. Nomes como Ed Sheeran, Rag'n'Bone Man, Sam Smith e Dua Lipa são grandes responsáveis por alavancar a exportação de hits produzidos no Reino Unido.

De acordo com os números divulgados, as gravadoras inglesas tiveram um crescimento de 12% nos lucros em 2017, o que equivale a US$ 527 milhões, o valor mais alto desde que o índice começou a ser captado em 2000.

Dua Lipa  - Divulgação - Divulgação
A inglesa Dua Lipa, famosa pelos hits "New Rules" e "IDGAF"
Imagem: Divulgação

Ainda segundo a publicação, um entre oito discos comprados -- ou ouvidos em streaming -- no mundo em 2017 era de origem inglesa, ficando atrás apenas do mercado americano que exporta mais.

Só para exemplificar a grandiosidade de alguns artistas do Reino Unido, "Divide", de Ed Sheeran, vendeu 6 milhões de cópias no mundo inteiro, sem contar os streams, de acordo com números da IFPI.

O Brasil é citado no artigo como um crescimento considerável de música inglesa: 57%.