Topo

Filmes e séries


Johnny Depp tem vitória importante em batalha legal contra ex-advogado

Tolga Akmen/AFP Photo
Johnny Depp Imagem: Tolga Akmen/AFP Photo

Leonardo Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

28/08/2018 16h32

Em uma decisão que pode trazer impactos profundos em Hollywood, um juiz de Los Angeles determinou nesta terça (28) que o contrato verbal firmado entre Johnny Depp e seu ex-advogado, Jake Bloom, que estão se enfrentando nos tribunais, é inválido, publicou a imprensa americana.

A decisão faz referência a uma lei americana que exige que acordos do tipo sejam feitos por escrito, o que pode ajudar a colocar fim ou praticamente acabar com atos feitos de maneira informal no mundo do entretenimento. Nos Estados Unidos, e especialmente em Hollywood, acordos verbais são corriqueiros entre atores, empresas e representantes.

Vivendo uma crise financeira, Johnny Depp acionou a Justiça para tentar recuperar dezenas de milhões de dólares em honorários pagos a Jake Bloom em 18 anos de serviços prestados. O advogado foi pago com base em uma porcentagem de ganhos do ator, mas Depp contesta a validade do acordo.

O relacionamento entre as partes começou a ruir em 2017 e, em outubro, Depp processou Bloom outubro argumentando que o advogado e seu escritório cometeram “negligência profissional, violação de dever fiduciário e enriquecimento sem causa”.

Segundo os advogados de Bloom, o ator não pagou integralmente o combinado e ainda violou acordo verbal, feito em regime de contingência --quando o advogado aceita receber os honorários apenas em um segundo momento, quando o cliente recebe a indenização devida.

Segundo a imprensa americana, os advogados de ambos os lados se recusaram a comentar o caso fora do tribunal. A defesa de Jake Bloom ainda pode recorrer da decisão. O julgamento definitivo está marcado para o dia 6 de maio.