Topo

Filmes e séries


Ben Affleck volta para reabilitação após intervenção de Jennifer Garner, diz site

Getty Images
Ben Affleck e Jennifer Garner Imagem: Getty Images

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

22/08/2018 23h48

Ben Affleck voltou para a reabilitação a partir de uma intervenção da ex-mulher Jennifer Garner. As informações são do "TMZ", que ainda indicou que o ator já deu entrada na clínica e deve permanecer em tratamento por um longo período.

O site apontou que a atriz foi até a casa de Affleck nesta quarta-feira (22) para ajudá-lo. O "TMZ" garante que o intérprete do Batman no cinema concordou de prontidão em ir para a reabilitação.

Fontes também indicaram ao site que Jennifer decidiu procurá-lo quando viu há dois dias uma foto em que ex-marido aparece recebendo uma caixa com bebidas alcoólicas. 

Na última semana, salientou o "TMZ", Affleck já tinha dado sinais de que havia voltado a beber quando saiu com a Miss Playboy de maio, Shauna Sexton, e apareceu com o rosto inchado.

3ª internação

Esta não é a primeira vez que o astro vai para uma clínica se recuperar do vício. Em março de 2017, o ator revelou nas redes sociais que tinha passado por uma clínica nos últimos meses. "Eu completei o tratamento para vício em álcool, algo com que lidei no passado e que continuarei confrontando", escreveu o ator na ocasião.

"Eu quero viver ao máximo e ser o melhor pai que puder. Quero que meus filhos saibam que não há vergonha em conseguir ajuda quando necessário e quero ser uma fonte de força para qualquer um que precisar de ajuda, mas está com medo de dar o primeiro passo", continuou.

"Tenho sorte em ter o amor da minha família e dos amigos. Este foi o primeiro de muitos passos em direção a uma recuperação positiva", completou Affleck.

O ator já havia passado pela reabilitação em 2001, mas nunca especificou o motivo do tratamento. "Fui para a reabilitação por ter 29 anos, farrear muito e tentar conseguir alguma ideia de quem eu queria ser", disse à revista "The Hollywood Reporter" em 2012.

Affleck e Jennifer Garner têm três filhos e anunciaram a separação em 2015. O divórcio foi concluído dois anos depois.

O último filme do ator foi em "Liga da Justiça" (2017). Affleck estava comprometido em dirigir o próximo filme solo do Batman, mas abandonou o cargo em seguida, sendo substituído por Matt Reeves.