Topo

Filmes e séries

Keanu Reeves e Winona Ryder dizem que se casaram de verdade em gravação de filme

Maurício Dehò

Do UOL, em São Paulo

20/08/2018 08h21

Os astros de Hollywood Winona  Ryder e Keanu  Reeves estão prestes a se encontrar de novo nas telas, revivendo uma parceria famosa nos anos 80. Eles são co-estrelas de "Destination Wedding", que estreia esta semana nos EUA (mas ainda não tem data de lançamento no Brasil). Promovendo o filme, eles relembraram que a relação sempre foi boa e que eles até se sentiam atraídos um pelo outro. E disseram que acham que são casados na vida real.

"Eu tinha uma queda bem saudável por ele", admitiu Ryder, hoje com 46 anos, ao "Entertainment Tonight".

"E eu tinha uma queda saudável por você também", respondeu Reeves, de 53 anos. 

Quando questionados sobre o que aconteceu com isso, eles brincaram. "Oh, ainda está ativa", disse Ryder, com o amigo adicionando, "ainda está aqui".

Eles ainda relembraram o casamento que aconteceu no filme "Drácula", de 1992, e acham que, se depender do que aconteceu na gravação, eles são casados, de fato. 

"Eu sou convencida de que somos casados, mesmo, porque um padre de verdade foi chamado e eles fizeram a cerimônia completa", disse Winona Ryder.

Depois das declarações, até o diretor Francis Ford Coppola entrou no assunto, concordando que é bem possível que eles sejam casados.

Coppola estava insatisfeito com a cena e decidiu que "uma cerimônia real de casamento, como seria em uma religião como a grega ortodoza, seria lindo". 

Foi filmada, então, uma cerimônia grega ortodoxa em uma igreja de Los Angeles, com um padre oficial. "Foi autêntico e bem bonito, porque fizemos a cerimônia, de fato, e tivemos esse padre. Então, de certa forma, acho que Keanu e Winona se casaram mesmo, como resultado dessa cena e dessa cerimônia."

Sobre casar na vida real, eles foram educados, mas deixaram claro que as paqueras e a parceria são platônicas, mas que mesmo isso é enriquecedor. "Seria legal. Quando se sai de filmes assim, você pensa nessas coisas e é legal refletir: 'Oh, isso pode acontecer. Eu posso me conectar com uma pessoa dessa maneira especial", disse Reeves.