PUBLICIDADE
Topo

Taylor Swift chora em show ao lembrar aniversário de julgamento por assédio

Taylor Swift fez discurso emocionado em apresentação - Reprodução
Taylor Swift fez discurso emocionado em apresentação Imagem: Reprodução

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

15/08/2018 13h16

Taylor Swift chorou durante um show em Tampa, nos Estados Unidos, ao se lembrar do aniversário de um ano do dia em que o apresentador de rádio David Mueller foi condenado por assediá-la. Swift acusou Mueller de apalpá-la durante uma sessão de fotos, depois de uma entrevista em seu programa.

"Um ano atrás, eu não estava fazendo um show em um estádio em Tampa, mas sim em um tribunal em Denver", relembrou Swift. "Esse foi o dia em que as pessoas do júri decidiram que eles acreditavam em mim".

"Eu fico pensando em todas as pessoas que não foram acreditadas, nas pessoas que ainda não são, e nas pessoas que estão com medo de denunciar alguém porque temem não ser [acreditadas]", continuou. "Eu quero dizer a essas pessoas que eu sinto muito, de verdade, porque não sei onde estaria nesse momento se ninguém tivesse acreditado em mim".

"Também quero dizer que temos tanto a evoluir nessa questão, e que me sinto muito grata por ter vocês ao meu lado naquela que foi uma época horrível da minha vida", disse ela, apontando para os fãs do estádio.

Vários membros da plateia levantaram notas de US$ 1 no momento, uma referência ao pagamento que Mueller foi obrigado pela justiça a dar para Swift. A cantora pediu o valor "simbólico" de US$ 1 porque acreditava que a vitória no caso significava muito mais do que o dinheiro que ela receberia.

Confira vídeos do discurso de Swift no show: