PUBLICIDADE
Topo

Randy Rampage, vocalista de álbum clássico do Annihilator, morre aos 58 anos

Randy Rampage, ex-vocalista do Annihilator e ex-baixista do D.O.A. - Reprodução/Facebook
Randy Rampage, ex-vocalista do Annihilator e ex-baixista do D.O.A. Imagem: Reprodução/Facebook

Maurício Dehò

Do UOL, em São Paulo

15/08/2018 11h26

O vocalista Randy Rampage, cujo nome de batismo é Randall Archibald, morreu nesta terça-feira, aos 58 anos. O canadense ficou conhecido por seu trabalho na banda de hardcore D.O.A. e principalmente pelas vozes no disco mais famoso da banda de heavy metal tradicional e thrash metal Annihilator, "Alice in Hell".

A notícia de sua morte foi dada pelo Facebook do documentário "Bloodied But Unbowed", para quem ele deu entrevista sobre a trajetória do punk e do hardcore na costa Oeste dos Estados Unidos, lançado em 2010. 

"Nesta noite, por volta das 19h Randy Rampage nos deixou para o reino dos céus. Uma lenda do punk se foi. Nós o amamos Randy", disse o post.

Sua participação em "Alice in Hell" ficou marcada principalmente pela clássica "Alisson Hell", música mais famosa da banda - e cheia de agudos.

Em uma entrevista de 2017 do líder do Annihilator, Jeff Waters, ele comentou a passagem de Rampage pela banda: "Ele não cantava bem, mas era o cara mais legal e com a melhor atitude que já tive na banda, porque era um punk rocker. Ele tocava baixo no D.O.A. e sua atitude era do tipo 'tudo ou nada'". Rampage também cantou em "Criteria for a Black Widow", disco do Annihilator de 1999.

Randy Rampage começou sua carreira no fim dos anos 1970 e teve passagens por grupos como The 45s, Riff Raff, Requiem, Iron Gipsy, entre outras. No D.O.A. teve três passagens pela banda, a primeira vez na fundação, em 1978, e outras duas já nos anos 2000, sempre tocando baixo.