PUBLICIDADE
Topo

Morre Doug Grindstaff, criador dos sons de "Star Trek", aos 87

Doug Grindstaff tinha 87 anos de idade - Arquivo Pessoal/Divulgação
Doug Grindstaff tinha 87 anos de idade Imagem: Arquivo Pessoal/Divulgação

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

30/07/2018 14h55

Ele criou o tintilar inconfundível do teletransporte, os bipes dos comunicadores e o silvo da abertura das portas da ponte de comando - Doug Grindstaff, vencedor de cinco Emmys que serviu como técnico de som em "Star Trek", morreu no último dia 23 de julho. Ele tinha 87 anos.

A família de Grindstaff confirmou a morte para o "The Hollywood Reporter" nesta segunda-feira (30). O técnico de som, aposentado desde o final dos anos 80, passou seusúltimos anos na pequena cidade de Peoria, nos Estados Unidos.

Grindstaff foi chefe dos departamentos de som de dois grandes estúdios de cinema americanos, a Paramount e a Columbia, além de presidir o sindicato de Editores de Som de Hollywood, que o honrou em 1998 com um prêmio especial pelo conjunto da carreira. Grindstaff também foi líder do contingente categoria na Academia de Ciências e Artes Cinematográficas, responsável pelo Oscar.

Além de "Star Trek", Grindstaff trabalhou em outras séries de TV celebradas como "Mannix", "Missão: Impossível", "The Odd Couple", "The Brady Bunch", "Knots Landing", "Falcon Crest", "Dallas" e "Ilha da Fantasia".

Curiosamente, nenhum de seus cinco Emmys foi por "Star Trek". Ele chegou a receber uma indicação pelo trabalho na série, em 1967, mas só venceria sua primeira estatueta em 1970, ao trabalhar em "The Immortal".