PUBLICIDADE
Topo

"Duro de Matar" celebra 30 anos com exibição no prédio onde foi filmado

Reprodução/Variety
Imagem: Reprodução/Variety

Caio Coletti

Colaboração para o UOL

30/07/2018 10h27

O clássico do cinema de ação "Duro de Matar" comemora 30 anos em 2018, e a 20th Century Fox marcou a data de forma bem especial: com uma exibição do filme, no último sábado, à sombra do Fox Plaza, prédio onde o longa foi filmado em 1988.

No filme, o Fox Plaza servia de dublê para a ficcional Nakatomi Tower, onde os terroristas liderados por Hans Gruber (Alan Rickman) tentavam aplicar o seu plano maligno, mas eram atrapalhados pelo mal-humorado policial John McClane (Bruce Willis).

"O prédio era a estrela do filme", relembrou Bonnie Bedelia, que interpretou Holly McClane, em entrevista à "Variety". Ao lado de Reginal VelJohnson, o Sargento Powell, ela representou o elenco do filme dirigido por John McTiernan no evento.

"Eu amo conhecer os fãs de 'Duro de Matar'", confessou VelJohnson. "Eles sempre se aproximam de você e dizem a frase favorita deles do filme, e eu sempre preciso parar por um minuto e me lembrar do que diabos eles estão falando. Toda vez que eu revejo 'Duro de Matar' eu encontro algo que não tinha visto nas outras vezes. É o tipo de filme que sempre te surpreende".

Leia mais:

Bedelia ainda contou que quase recusou o papel quando o roteiro chegou a sua mesa. "Eu não queria fazer um filme de ação. Eu pensei: 'Esse é um papel para Sharon Stone ou alguma outra atriz, eu sou só uma garota comum'. No entanto, o que percebi é que eles queriam uma garota comum, alguém que conseguisse prender a atenção, mas que não era glamourosa. Eles estavam com dificuldades para encontrar essa pessoa", comentou.

Já para VelJohnson, a proposta de fazer "Duro de Matar" surgiu em uma época em que ele estava pensando em desistir da carreira no cinema. "Eu tinha feito uma entrevista com uma agência de publicidade e eles queriam me contratar. Então, no fim de semana, recebi a ligação para esse papel, e logo joguei tudo para o alto. Pensei: 'Essa vai ser a última chance que eu darei para esse negócio de atuar'", lembrou.

Desde 1988, "Duro de Matar" já ganhou quatro sequências nos cinemas, e está a caminho de uma quinta. Em "Die Hard: Year One", ainda sem data de lançamento, será contada a história de John McClane quando jovem, antes dos eventos do primeiro filme.