PUBLICIDADE
Topo

Novo "Missão: Impossível" conquista a melhor estreia de um filme da franquia

Cena do filme "Missão: Impossível - Efeito Fallout" - Divulgação
Cena do filme "Missão: Impossível - Efeito Fallout" Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

29/07/2018 14h01

Os elogios que "Missão: Impossível - Efeito Fallout" vem recebendo mundo afora ressoaram nas bilheterias dos Estados Unidos. O sexto filme da série comandada por Tom Cruise fez a melhor estreia deste fim de semana, arrecadando US$ 61,5 milhões em seus três dias em cartaz.

Os valores deram ao longa de ação e espionagem outras duas conquistas: é a melhor estreia de um filme da franquia (o recorde era de "Missão Impossível 2", de 2000, com US$ 57,8 milhões) e é também o maior lançamento de uma produção estrelada por Tom Cruise desde "Guerra dos Mundos", de 2005 --o filme dirigido por Steven Spielberg faturou US$ 64,8 milhões (sem ajustes de inflação).

"Missão: Impossível - Efeito Fallout" foi amplamente elogiado pela crítica internacional. No site Rotten Tomatoes, a aprovação é de 97% e com nota média de 8.4 (números baseados em 232 críticas positivas e 6 negativas).

No novo filme, dirigido por Christopher McQuarrie, Tom Cruise volta a interpretar o agente Ethan Hunt, protagonista da saga desde 1996. Quando uma importante missão não sai como o planejado, Hunt une forças junto ao time da IMF numa corrida contra o tempo para acertar as contas com erros do passado.

Leia mais

Mais bilheterias

O musical "Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo" foi o segundo filme mais visto nos cinemas norte-americanos, arrecadando mais US$ 15 milhões em sua segunda semana em cartaz. No total, já são US$ 70 milhões acumulados. Já "O Protetor 2", com Denzel Washington como protagonista, caiu do primeiro para o terceiro lugar, com mais US$ 14 milhões de bilheteria em seu segundo fim de semana.

Outros dois filmes para o público infantil entraram no top 5 de arrecadamento do fim de semana: a animação "Hotel Transilvânia 3", que somou mais US$ 12,2 milhões de bilheteria, e "Jovens Titãs em Ação!", que estreou com US$ 10,5 milhões (pouco mais do valor de seu próprio orçamento, que foi de US$ 10 milhões).