PUBLICIDADE
Topo

Metallica está mudando set lists de acordo com o que é mais ouvido no Spotify

Kirk Hammett e James Hetfield, guitarristas do Metallica - Alexandre Schneider/UOL
Kirk Hammett e James Hetfield, guitarristas do Metallica Imagem: Alexandre Schneider/UOL

Leonardo Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

27/07/2018 15h30

No mundo dos negócios, é imprescindível entender o desejo do cliente para oferecer o melhor e mais completo produto possível. Na música, como em qualquer outro "business", essa lógica mercadológica também faz sentido e é passível de aplicação, ao menos no que depender de artistas como o Metallica.

Segundo o site "Quartz", Daniel Ek, chefão do Spotify, afirmou em reunião com investidores que os integrantes do grupo estão mudando o repertório dos shows de acordo com o que é mais ouvido na plataforma em cada uma das cidades que visitam.

Segundo o ele, funciona mais ou menos assim: o Metallica mantém seu set list base, baseado no que foi previamente ensaiado para a turnê, incluindo uma ou outra música que está em alta na região e que inicialmente não estaria no repertório.

Trata-se de um passo além da tradicional estratégia que muitos artistas ainda mantêm de receber pedidos de forma "analógica" da plateia, como é hábito de Bruce Springsteen, ou mesmo por meio de campanhas na internet e redes sociais.

"Nunca antes vivemos um tempo em que você pudesse tomar tantas decisões com base em informação e entendendo seu público, como os artistas podem fazer hoje", afirmou o CEO.

Para o executivo, gravadoras e os artistas agora estão tendo uma ideia melhor de quem são seus fãs e o que demandam de seus ídolos. "O Spotify está ajudando a mudar a indústria da música."

Procurado pelo "Quartz", o Metallica, que já comercializa os áudios oficiais de suas apresentações no site livemetallica.com, não confirmou a informação.