PUBLICIDADE
Topo

Veja como músico do Blink sugeriu captura de Saddam Hussein para a Marinha

Mark Hoppus é baixista do Blink 182 - Gustavo Caballero/Getty Images
Mark Hoppus é baixista do Blink 182 Imagem: Gustavo Caballero/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

29/06/2018 12h45

Mark Hoppus, baixista do Blink 182, recebeu um desafio inusitado de um usuário no Twitter. "Conte sua história menos plausível, mas que seja verdadeira sobre você".

A resposta do músico norte-americano foi mais inusitada ainda. Hoppus contou que certa vez estava a bordo de um porta-aviões da Marinha e abordou um almirante para contar um plano que tinha para capturar Saddam Hussein, que na época era procurado pelos norte-americanos.

"Ele estava escondido, mas continuava gravando fitas de vídeo para seus seguidores. Minha ideia era colocar caminhões com grandes caixas de som emitindo um ruído imperceptível para o ouvido humano com informações de tempo, mas que pudesse ser captável pelo microfone de uma câmera comum", escreveu o músico.

"Quando Saddam soltassse um novo vídeo, ele teria gravado sem saber esse áudio. Usando essa informação de tempo no ruído, era só mapear onde o caminhão estava naquele momento e começar a busca. Caso ele não fosse encontrado, enviaríamos mais caminhões para triangular o posicionamento exato nas próximas fitas", completou Hoppus.

Algum tempo depois da conversa, em dezembro de 2003, Saddam Hussein foi capturado pelas Forças Armadas dos EUA, mas nunca saberemos se o plano do baixista do Blink 182 foi usado pelas autoridades. O ex-ditador foi condenado e morreu em 2006 por enforcamento.