Topo

Música

Não tá fácil para ninguém: vocalista do Florence + the Machine está no Tinder

Getty Images
A cantora inglesa Florence Welch, gente como a gente Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

25/06/2018 17h47

Encontrar o par perfeito não é tarefa fácil para ninguém, nem se você é vocalista de uma banda mundialmente famosa. Duvida? Pois saiba que a cantora inglesa Florence Welch, da banda Florence + the Machine, está em busca de um relacionamento no aplicativo de namoro mais famoso do mundo, o Tinder.

A revelação foi feita por ela mesma em entrevista ao jornal The Guardian. Ou seja, se você tiver a oportunidade de visitar a Inglaterra e de usar o app por lá, existe a chance de encontrar a estrela da música em meio a possíveis "matches".

Geralmente reservada em sua vida pessoal, Florence inclusive abriu o jogo e mostrou qual é sua descrição no aplicativo, um ponto importante na conquista de eventuais admiradores. “Profundamente caseira, mas também altamente estressada, sem meio termo –extremamente exposta, mas profundamente hermética", revelou.

E a bio não para por aí. Ela ainda indica quais são suas preferências em termos de demonstração de afeto. “Muitas velas acesas na minha casa para me sentir segura. Gostaria de mil textos que digam ‘eu te amo’, meu telefone tocando sem parar, até que eu esteja exausta, e por fim vazia”.

Manuela Scarpa e Rafael Cusato/Brazil News
Florence + the Machine se apresenta em São Paulo no Lollapalooza Brasil 2016 Imagem: Manuela Scarpa e Rafael Cusato/Brazil News

Alcoolismo

A entrevista, que faz parte da agenda de divulgação de “High As Hope”, novo álbum do Florence + The Machine, também abordou assuntos sérios. A artista também falou sobre seu alcoolismo, do qual diz ter se livrado.

Eu ficava bêbada a maior parte do tempo. Tomava vários Martinis. Minha maneira de beber era de três doses de uma só vez. Eu nunca me interessei em um bom copo de vinho", afirmou. “Quando percebi que poderia me apresentar sem a bebida foi uma revelação. Há nisso tudo desconforto e raiva e, no momento em que eles se encontram, você se rompe.”

Florence também falou sobre como lidou com o suicídio da avó, quando tinha apenas 14 anos. “A maneira com que minha mãe foi amada pela minha avó tem relação direta com o modo como ela nos ama. Minha avó caiu nessa, então às vezes ainda sinto como se todos nós continuássemos neste círculo, caindo com ela.”