Topo

Música

Eddie Vedder se reencontra com cinegrafista de salto épico de 92; assista

Reprodução
Em 1992, Eddie Vedder deu salto em público com ajuda de cinegrafista em grua Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

18/06/2018 11h54

Em 1992, Eddie Vedder se apresentava com o Pearl Jam no tradicional festival Pinkpop em Landgraaf, na Holanda. Naquela época, o grupo de Seattle já despontava com um dos grandes nomes do rock após o lançamento do álbum "Ten". Seu vocalista também era famoso por ter uma postura elétrica no palco e causar várias peripécias, e aquele 8 de junho não poderia ser diferente.

Durante a canção "Porch", o público estava enlouquecido. Eddie Vedder, que procurava uma maneira de interagir com seus fãs holandeses, teve uma ideia: viu uma grua usada para a captação do show. Em 92, as câmeras não tinham controle remoto e muito menos drones, o trabalho ficava por conta de um cinegrafista sentado na ponta do equipamento que ia e voltava por cima do público.

Eddie se aproximou e começou a subir na estrutura enquanto o cinegrafista gritava. "Alguém me mandou um cartão postal com essa foto em que eu pulava no público. Na imagem dá para ver o câmera com uma cara de quem quer me matar e eu me dei conta de que ele teria toda razão para fazer isso. Eu nunca mais o vi e aquela imagem no corredor da minha casa sempre me lembra desse dia. Eu sempre fico pensando naquele cara. Será que ele continua p***?", afirmou Vedder ao site da NME.

Quando estava em turnê novamente em Amsterdã, Eddie ficou com vontade de tirar a história a limpo. "Perguntei para uma pessoa de lá se teríamos alguma chance de achar ele. E nós conseguimos! Ele se aposentou em janeiro", continuou.

"E esse é o lance, ele me contou uma história completamente diferente do que eu tinha na cabeça. Eu achei que ele estava bravo comigo, mas ele estava gritando para os caras na outra ponta da grua segurarem o equipamento na hora que eu pulasse, caso contrário ele cairia. Ele não estava gritando comigo, e sim com os caras para segurarem a grua", disse o vocalista, aliviado.

Já em cima do público, Eddie dá seu stage dive e mergulha junto de seus fãs. "Todo esse tempo nós estivemos trabalhando em conjunto e eu não tinha a menor ideia. Ele não estava bravo esse tempo todo e eu me sinto muito perdoado", finalizou.