Topo

Música

Mano Walter lança música sobre vaquejada e nega maus tratos contra animais

Divulgação/Rede Globo
Cantor Mano Walter no "Conversa com Bial" Imagem: Divulgação/Rede Globo

Do UOL, em São Paulo

16/06/2018 02h28

Convidado do programa "Conversa com Bial" desta sexta-feira (16), o cantor Mano Walter falou sobre sua nova música, "Futebol e Vaquejada", e negou que a canção faça qualquer alusão a uma cultura que apoia maus tratos contra animais.

Questionado por Bial a respeito da predominância da vaquejada como esporte em algumas regiões do Nordeste, Walter defendeu a prática e afirmou que nenhum animal sofre durante a prática. "Isso é falta de informação. A vaquejada é um esporte lindo. A primeira coisa é o bem estar animal, o rabo do boi é artificial, não se usa espora, chicote. Existe um fiscal para ver o animal depois do evento, e se houver lesão o vaqueiro é desclassificado. Não existem maus tratos. Hoje a arena tem até acolchoado para quando os bois caem", garantiu. Em 2017, o Senado iniciou um processo para legalizar a vaquejada em todo o país, considerando a prática um patrimônio cultural brasileiro.

Na entrevista, o cantor falou também sobre a influência do sertão em sua música. "Só quem mora no sertão tem o prazer de acordar cedinho, ver a luz, o cantar do galo. Tanto que sempre retrato o que passei lá e com meu pai em minhas músicas, ainda mais por ser filho de vaqueiros".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!