Topo

Entretenimento

Rose McGowan divulga carta e pede que não culpem namorada de Bourdain

Getty Images
A atriz Rose McGowan que era próxima de Anthony Bourdain Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

11/06/2018 12h27

Rose McGowan publicou uma carta falando sobre a morte de Anthony Bourdain e revelou detalhes sobre a depressão enfrentada pelo chef e apresentador, além de pedir para que as pessoas não culpem Asia Argento pelo ocorrido.

A atriz, famosa pelo filme "Pânico" e "Planeta Terror", era próxima do casal e disse que ambos lutaram contra a depressão no último ano. "Ela passou muita coisa que poucas pessoas suportariam e mesmo assim foi em frente. Ela se ergueu contra o monstro estuprador [Harvey Weinstein] e agora tem que enfrentar outro monstro, o suicídio. O suicídio de seu amor e aliado, Anthony Bourdain. Eu escrevo essas verdades porque me pediram. Suicídio é um caminho horroroso, mas é uma escolha da pessoa", escreveu Rose.

Neilson Barnard/Getty Images
Asia Argento e Anthony Bourdain em foto de 2017 Imagem: Neilson Barnard/Getty Images

Ela ainda falou que Asia chegou a buscar ajuda para enfrentar o período. "Ela queria que a dor parasse. Enquanto estavam juntos, felizmente, ela procurou ajuda para continuar viva por ela e seus filhos. A depressão de Anthony não o deixou. Ele tirou armadura e essa foi sua escolha. Decisão dele, não dela. Sua depressão venceu", continuou.

Parte da mídia e seguidores da internet acusaram o relacionamento com Asia Argento por supostamente ter sido uma das motivações para o apresentador e chef tirar sua vida. "Eles tinham um relacionamento livre e se amavam sem as fronteiras de um relacionamento normal", escreveu.

"Eu sei que ele buscou ajuda, mas não aceitou os conselhos dos médicos. E isso nos leva à essa tragédia e perda. A guerra interna de Anthony era sua guerra e agora ela está no campo de batalha levando as balas. Não existe um jeito justo ou aceitável de culpá-la ou qualquer pessoa, nem mesmo o Anthony", concluiu.

Mais Entretenimento