Topo

Filmes e séries

Morre Jerry Maren, aos 98 anos. Ele era o mais velho munchkin de "O Mágico de Oz" vivo

Reprodução
Jerry Maren, de verde, um dos munchkins de "O Mágico de Oz" Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

06/06/2018 07h47

O ator Jerry Maren, que era o “munchkin” mais velho ainda vivo do clássico “O Mágico de Oz”, de 1939, morreu aos 98 anos. De acordo com o site " TMZ", sua morte aconteceu há uma semana, mas só agora veio a público.

Os munchkins são figuras conhecidas na trama do Mágico de Oz, e o papel acabou sendo o mais marcante da carreira de Maren, apesar de ele ter outros trabalhos nas telonas no passar dos anos.

Getty Images/Charley Gallay
Jerry Maren em foto de 2009 Imagem: Getty Images/Charley Gallay

Na história, os munchkins são habitantes do "País dos Munchkin", que está ligada à Cidade das Esmeraldas, capital de Oz, pela estrada de tijolos amarelos.

De acordo com o TMZ, Jerry morreu há uma semana e seu funeral aconteceu em Hollywood. A causa da morte é desconhecida, mas ele sofria de demência e morreu em uma casa de repouso em San Diego. 

Maren sofreu com boatos de sua morte em 2016, por conta de batalha contra um câncer no pâncreas. Mas essa informação nunca foi confirmada. Ele teve participações em "Seinfeld", "A Casa do Espanto", "A Noite do Medo", "O Planeta dos Macacos" e outros, mas geralmente com participações pontuais. 

Nascido em 24 de janeiro de 1920, em Boston, Maren fez aulas de dança quando jovem e decidiu tentar ser ator. Sua participação em "O Mágico de Oz" de 1939 aconteceu quando, um ano antes, ele pegou um ônibus com outras pessoas com nanismo e foi de Nova York à Califórnia para tentar um papel na produção. Deu certo, ele foi aprovado no teste e acabou imortalizado nas telonas.

Atualização (07/06): Segundo o TMZ, a causa da morte foi uma parada cardiopulmonar. Ele já enfrentava problemas de saúde, e a avançada idade levaram à morte.