Topo

Música

Elza Soares fala sobre racismo e tabus em novo álbum, "Deus é Mulher"

Carine Wallauer
Elza Soares Imagem: Carine Wallauer

Do UOL, em São Paulo

18/05/2018 01h56

Elza Soares divulgou seu novo álbum, "Deus É Mulher", na noite desta quinta-feira (17). O novo trabalho fala sobre racismo, lugar de fala, diversidade religiosa e representatividade política, e foi gravado em São Paulo e no Rio de Janeiro com produção de Guilherme Kastrup e co-produção de Rômulo Fróes, Marcelo Cabral, Rodrigo Campos e Kino Dinucci.

O álbum traz 11 músicas inéditas, escritas por artistas como Tulipa Ruiz e Rodrigo Campos, e conta com a participação do cantor Edgar e do grupo Ilú Obá de Min. As letras exaltam o poder da energia feminina e promovem o sincretismo cultural, religioso e social dentro da herança africana brasileira.

"Deus é Mulher" chega três anos depois do lançamento bem-sucedido de "A Mulher do Fim do Mundo", de 2015.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!