Topo

Geek

Hein? Fã vai ao cinema vestido de "Deadpool" e acaba preso na Suíça

Reprodução
Cena de "Deadpool" Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

17/05/2018 18h27

Dois fãs de Deadpool foram presos em Lugano, na Suíça, depois de um deles provocar um alerta policial por ir a uma sessão de "Deadpool 2" trajado como o anárquico anti-herói da Marvel. As informações são do jornal local "Tio".

Segundo a publicação, o caso aconteceu esta semana, quando o jovem Alessandro Botto e seu amigo Christian decidiram assistir ao filme com uma réplica do uniforme usado por Ryan ReynoldsBotto, no entanto, escondeu o traje sob as roupas para exibi-lo apenas quando chegasse ao cinema.

Mas por que eles foram para a cadeia? Segundo a lei do país, é proibido esconder o rosto em público. "Nenhum de nós temia que isso pudesse ser um problema", disse Botto a jornalistas.

Presos em flagrante, os amigos foram objeto de uma ação especial da polícia, ficando sob a mira de revólveres. Depois disso, foram encaminhados a uma delegacia, onde tiveram que passar uma hora.

Segundo a imprensa local, ambos foram liberados em seguida sem acusação formal, mas Christian precisou pagar uma multa por infringir a lei.

“Depois de uma tensão inicial, eles entenderam muito bem o que estávamos fazendo”, afirmou Botto. “Os agentes deram uma boa risada."

A polícia explicou que foi acionada depois que alguém, provavelmente não muito fã de cinema e quadrinhos, denunciou um homem suspeito na área do cinema. Ele usava máscara e portava duas armas exatamente as do cosplay de Deadpool.

"A intervenção foi realizada com base na doutrina e nas táticas policiais, que nesses casos exigem que os agentes intervenham de maneira extremamente rápida e evitem a ameaça, mesmo se presumida, sem hesitação", disse um porta-voz da polícia.