Topo

Música

"Não espere barriga tanquinho que tô pochetinha", diz Ivete antes de show

Do UOL, no Rio

29/04/2018 17h56

Ivete faz seu primeiro show após o nascimento das gêmeas Marina e Helena, neste domingo (29) e transforma Salvador numa grande folia fora de época. A concentração começou às 17h em Ondina e o trio vai até o farol da Barra. Antes do show, a cantora fez uma transmissão ao vivo em seu Instagram, dentro da van, a caminho do evento, e contou que preparou um repertório especial só seu e que pretende atender aos pedidos dos fãs.

"Estou sentindo a mesma onda de Carnaval, aquele nervosismo, dormi pouco essa noite. Não tenho dormido muito, como toda a mãe, mas é isso, quis muito ter meus filhos. Estou muito feliz. Todos esses padrões criados pelo homem para determinar tamanho, data, sentimento, nada disso se encaixa quando a gente é mãe. A melhor forma de estar viva é poder ter filhos", disse.

A cantora usa um figurino da estilista Michelly X e brincou sobre sua forma pouco mais de dois meses apenas depois do nascimento das filhas. "A roupa tem uma coisa preta para esconder a pochete. Não espere barriga tanquinho que estou pochetinha".

Apesar de ter segurado a onda na alimentação na gravidez das meninas, ela contou que "enfiou o pé na jaca" na gestação do primogênito Marcelinho, mas notou um inchaço maior na última.

"Com Marcelo, fiquei um tempo para fazer dieta. Aí pari as meninas, no hospital já achei estranho, um inchaço. A doutora disse que estava retendo líquido. Descobri que a gestação gemelar, ela dá uma distensão no abdômen", explicou.

Ivete tem dedicado seu tempo integralmente aos filhos, disse que ensaiou apenas uma vez para o show de Salvador e só se exercita em casa quando pode. "As gêmeas demandam um tempo. Quando acaba o serviço com uma, começa com outra. Em casa, às vezes faço spinning. Quero voltar pro boxe".

O convite para o show da volta de Ivete aos palcos partiu da prefeitura de Salvador. "Estava em casa, recebi uma ligação que a prefeitura queria dar de presente para a cidade de Salvador um show meu. Era dia 29 de março, eu não tinha condições. Falei que talvez eu pudesse dia 29 de abril. Se eu tiver que voltar, como não fiz Carnaval, queria um trio elétrico saindo de Ondina, que terminasse na Barra. Acabou que deu certo!", comemora.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!