Topo

Geek

Diretor de "Os Incríveis" explica por que o bebê Zezé é tão poderoso

Divulgação
Zezé em cena do filme "Os Incríveis 2" Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

24/04/2018 11h13

Zezé, o caçula da família Pera em "Os Incríveis", aparentemente é um bebê normal. Mas no final do filme de 2004 ele se mostrou extremamente poderoso. Filho do Senhor Incrível e da Mulher Elástico, ele pode entrar em combustão, ficar super pesado e virar um monstro. No trailer de "Os Incríveis 2", que estreia no dia 15 de junho, Zezé exibe novos poderes, como soltar raio laser pelos olhos ou desaparecer.

Brad Bird, o diretor e roteirista dos dois longas, explica em entrevista publicada pelo ComicBook por que Zezé é tão poderoso.

"O que me interessa é a ideia de família. Eu defini os poderes baseados no que os personagens representavam na família. Como espera-se que os homens sejam fortes, o Roberto tem superforça. As mulheres e mães estão sempre atuando em todas a direções, então ela tinha que ser elástica. Os adolescentes são inseguros e defensivos, então a Violeta ganhou invisibilidade e a habilidade de formar um campo de força. E garotos de 10 anos (como o Flash) têm uma energia inesgotável", disse Bird.

"E os bebês são imprevisíveis. Talvez eles não tenham poder, talvez eles tenham todos os poderes, você não sabe. Então o Zezé parecia ser o primeiro normal da família e no fim de "Os Incríveis" você descobre que ele é um curinga, tipo um canivete suíço de poderes", completou.