Topo

Música

Martinho da Vila pede autorização para visitar Lula: "Ele ficaria contente"

Eduardo Knapp - 1.maio.2002/Folhapress
O cantor Martinho da Vila participa de comício de Lula em Santo André (SP) em 2002, durante a campanha que levou Luiz Inácio Lula da Silva à presidência do Brasil pela primeira vez Imagem: Eduardo Knapp - 1.maio.2002/Folhapress

Renata Nogueira

Do UOL, em São Paulo

23/04/2018 19h41

Martinho da Vila solicitou na tarde desta segunda-feira (23) à Justiça uma autorização para visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em Curitiba. O sambista enviou um e-mail à juíza Carolina Moura Lebbos, da 12ª Vara Federal da capital paranaense, com o pedido oficial de visita para ele e sua mulher, Clediomar Ferreira. 

Procurado pelo UOL, Martinho explicou que só quer "dar um abraço de conforto" no amigo. "Só quero dar um abraço e dizer que estou solidário. Tenho amizade com ele, algo comum, normal. Minha esposa também é muito amiga dele", disse. Lula está preso na Superintendência da PF (Polícia Federal) em Curitiba desde o último dia 7 de abril.

A última vez que Martinho falou com Lula foi quando o ex-presidente estava no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo (SP), horas antes de se entregar à PF. Eles se falaram por telefone, já que o cantor mora no Rio de Janeiro.

Mais cedo, ainda nesta segunda-feira, a juíza já havia negado pedidos de visita feitos pela ex-presidente Dilma Rousseff, pelo candidato à presidência Ciro Gomes, pelo vereador Eduardo Suplicy, e outras 20 solicitações. Mas Martinho está esperançoso sobre seu pedido, enviado no final desta tarde e ainda sem resposta da juíza.

"Minha visita não tem nenhuma conotação política, não estou com um grupo de pessoas e também não faço parte de nenhuma organização. É uma coisa muito particular, então acredito que ela vá autorizar", finaliza o sambista de 80 anos, que está disposto a viajar até Curitiba só para visitar o amigo. "Sei que ele ficaria contente."