PUBLICIDADE
Topo

"Street Fighter II" aparentemente plagiou filme clássico de Charles Bronson

"Lutador de Rua" vs "Street Fighter II": Round 1. Fight! - Reprodução
"Lutador de Rua" vs "Street Fighter II": Round 1. Fight! Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

19/03/2018 21h55

O nome do filme em português já entrega: "Lutador de Rua". E as imagens falam por si. Ao que tudo indica, o filme de 1975 ("Hard Times", no original em inglês) inspirou dois dos mais icônicos cenários do game "Street Fighter II", clássico do gênero de luta lançado pela primeira vez nos arcades em 1991.

A semelhança foi notada pelo designer de games Dennis Zopfi, que postou no Twitter o que seria um tipo de plágio da produtora Capcom, desenvolvedora do jogo. As fases em questão são as dos personagens Ken e Zangief.

Estrelado pelo ícone Charles Bronson, "Lutador de Rua" traz, como não poderia deixar de ser, inúmeras cenas de porradaria desenfreada. Uma delas, logo no início do longa, mostra dois homens duelando na doca de um porto, enquanto uma pequena multidão os observa, assim como acontece no game. Em ambas as cenas há o mesmo tipo de barco ao fundo.

Um detalhe que torna tudo ainda mais interessante: um dos espectadores da luta, retratado dentro do barco no game, usa basicamente a mesma roupa que o ator James Coburn quando ele aparece ao lado de Bronson. Veja abaixo.

"Lutador de Rua" vs "Street Fighter" - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

O suposto segundo plágio tem a ver com a batalha final do longa, quando os personagens de Bronson e Jim Henry (Roberto Tessier) travam uma sanguenta batalha em uma arena de fábrica, cercada por uma plateia. O cenário é bem parecido com o estágio que retrata uma indústria na União Soviética de Zangief.

"Lutador de Rua" vs "Street Fighter" - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Coincidência ou chupinhação? É mais provável a segunda alternativa. A Capcom não se posicionou oficialmente sobre a questão, mas o designer Akira Yasuda, que trabalhou na concepção do game, já admitiu que o cinema era, sim, uma das maiores inspirações para os games da produtora.

"Lembro-me de exibir alguns filmes para fazer uma apresentação. "Ruas de Fogo" e "Lutador de Rua" foram os que usei. Basicamente, eram filmes de luta. Eu realmente me inspirei na  frase do presidente: "Use filmes!". Tomei como verdade que poderíamos simplesmente plagiá-los abertamente", brincou Yasuda em entrevista.

Nada é coincidência. No Japão, sede da Capcom, o filme de Charles Bronson também foi traduzido nos anos 1970 como na versão em português: "Lutador de Rua".