PUBLICIDADE
Topo

O que Colin Trevorrow planejava para Luke em "Star Wars Episódio IX"?

Daisy Ridley (Rey) e Mark Hamill (Luke) em cena de Star Wars: Os Últimos Jedi - Divulgação
Daisy Ridley (Rey) e Mark Hamill (Luke) em cena de Star Wars: Os Últimos Jedi Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

15/03/2018 09h52

Possíveis detalhes sobre o que o diretor Colin Trevorrow estava pensando para Luke Skywalker, podem ter sido revelados pelo ator Mark Hammil, em uma entrevista recente que ele concedeu. 

Trevorrow foi afastado em setembro de 2017 da direção do "Star Wars Episódio IX" e substituído por J.J. Abrams. A mudança não é isolada. Josh Trank foi demitido de um projeto que poderia se transformar em um filme do Boba Fett, enquanto Phil Lord e Chirs Miller foram substituídos por Ron Howard em "Solo: Uma História Star Wars".

"Eu conversei com Colin. Eu estava muito animado porque nós estávamos na mesma página em termos sobre para onde gostaríamos de ir e a maneira, nunca antes vista, de apresentar o Luke", disse Hammil. "Mas eu não sei o que aconteceu. Eu não quero saber porque não há nenhuma vantagem nesta história. Eu gosto de todas essas pessoas. Eu gosto de Kathy, eu gosto de Lawrance Kasdan e todas as pessoas envolvidas na decisão. Mas, às vezes, ignorância é uma bênção. E eles não me falam nada!".

Mas sobre o que Mark Hammil estaria se referindo nesta frase?

Em uma discussão em um fórum do Reedit, um usuário levantou a hipótese de que Trevorrow brigou para que Luke Skywalker permanecesse vivo no "Episódio IX". O diretor também tinha grandes planos para o relacionamento entre Luke e Leia e pretendia explorar as ligações dos dois com a força de uma forma "bela e trágica". Além disso, Trevorrow também gostaria que o Líder Supremo Snoke ficasse vivo para explorar mais a fundo a história do vilão.