PUBLICIDADE
Topo

Jared Leto injetou água na veia para viver usuário de droga, diz diretor

Jared Leto em "Réquiem para um Sonho" - Divulgação
Jared Leto em "Réquiem para um Sonho" Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

10/03/2018 17h16

O diretor Darren Aronofsky contou neste sábado histórias dos seus quase 20 anos de carreira em Hollywood. E uma delas envolve o ator Jared Leto, com quem trabalhou em "Réquiem para um Sonho", de 2000.

Segundo Aronofsky, para dar vida ao usuário de heroína Harry Goldfarb no filme, Leto chegou a aplicar injeções de água nas veias do braço.

"Ele é muito metódico. Ele se injetou água. Eu falei: "Cara, você é um idiota. Que besteira você está fazendo? Não faça isso, você sabe o que significa uma agulha entrando no seu braço"", contou Aronofsky.

O diretor também explicou o que significa o seu último filme, "Mãe!", que teve uma repercussão negativa na crítica. "Eu queria fazer um filme sobre a Mãe Natureza e como nós a ameaçamos. Vejo que nós tratamos a Mãe Natureza de uma maneira bem desrespeitosa. Nós a pilhamos, a violentamos e a deixamos suja. É por isso que a Jennifer (Lawrence, protagonista do filme) representou a personagem daquele jeito", disse Aronofsky.